Trem direto de Amsterdã a Londres começa a operar em abril

Hoje o passageiro precisa descer em Bruxelas para fazer a imigração para o Reino Unido. A partir de abril, o trâmite será feito na Holanda

As viagens no trem Eurostar que partem de Amsterdã rumo à Londres existem desde abril de 2018. A novidade é que, a partir de abril deste ano, elas não terão escalas, como já acontece no sentido inverso, de Londres para Amsterdã.

Atualmente, passageiros que partem dos Países Baixos rumo à Inglaterra precisam descer do trem em Bruxelas, passar pela imigração britânica e só então embarcar em um Eurostar rumo à estação St. Pancras, em Londres. Por nunca ter feito parte do Tratado de Schengen, acordo que permite o livre trânsito entre os 26 países signatários, pessoas que viajam ao Reino Unido sempre tiveram que passar pelo controle de passaportes.

E continuarão passando, só que a partir de abril a averiguação será feita nas estações Amsterdã Central e também na Roterdã Central, que terão postos da imigração britânica. A previsão inicial era que o serviço entraria em vigor em dezembro de 2019, mas com o Brexit ainda indefinido a implementação acabou adiada.

A viagem entre Amsterdã e Londres vai durar 4h09, enquanto o percurso de volta será um pouco mais rápido: 3h52. Já o trem saindo de Roterdã com destino à capital inglesa levará 3h30. No sentido contrário, o trajeto dura 3h13.

As rotas partindo de Amsterdã começarão a funcionar em de 30 de abril e, as de Roterdã, a partir de 18 de maio. Em 11 de fevereiro, as passagens começaram a ser vendidas no site, com preços desde £ 35 (€ 41,2).

Inicialmente, o Eurostar realizará o percurso Amsterdã-Londres duas vezes por dia, de segunda a sexta-feira, pela manhã e à noite. Aos sábados, só existirá o trem matinal e, no domingo, o noturno. O trajeto de volta, com saída da Inglaterra, já é feito três vezes diariamente. Aos finais de semana, o serviço é reduzido, passando a contar com dois trens diários.

No entanto, já existem planos de expansão para a rota de ligação entre Países Baixos e Reino Unido. A intenção é contar com uma operação de quatro trens por dia.

Veja também

Busque hospedagem em LondresAmsterdã e Roterdã.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s