Matterhorn é iluminada com bandeira do Brasil e de outros países

Zermatt, tradicional estação de esqui na Suíça, projeta em sua montanha mais famosa mensagens de esperança para as nações mais afetadas pela pandemia

Em meio à crise do coronavírus, ações de solidariedade inspiram união para enfrentar tempos difíceis. É o que vem sendo feito no famoso Monte Matterhorn, nos Alpes Suíços, que todas as noites tem sido iluminado com projeções de bandeiras de países que enfrentam a pandemia – inclusive a do Brasil. 

Com o lema “Luz é esperança”, o espetáculo manda mensagens de força às pessoas que sofrem com a doença e também a quem atua no combate da crise, como os profissionais de saúde e os indivíduos que estão em casa para evitar a disseminação do vírus. “O Matterhorn sempre foi um símbolo da Suíça e representação de força e estabilidade. Tão forte como o monte, a sociedade deve se manter unida, estar ancorada e deixar a tempestade passar”, escreve o órgão de turismo de Zermatt, onde o Matterhorn está localizado. 

O projeto, ativo desde o final de março, foi desenvolvido por Gerry Hofstetter, artista já com anos de experiência com luzes e projeções. Um dos seus trabalhos mais famosos mundialmente aconteceu em 2012, ao projetar o Titanic em um iceberg na Antártida no marco de 100 anos da tragédia. 

A cada dia, bandeiras de diferentes países aparecem no cume da icônica montanha suíça – também conhecida por estampar o logo do chocolate Toblerone. As projeções são acompanhadas por palavras de solidariedade para cada nação. Confira algumas imagens e as mensagens:

Brasil

“Entre os países da América do Sul, o Brasil é o mais afetado pelo coronavírus. Com a projeção de sua bandeira, queremos prover esperança e força para sobreviver a crise”.

 (Henry Maurer/Divulgação)

Estados Unidos

“Atualmente, os Estados Unidos são o país mais afetado pela crise do Covid-19, com o maior número de casos confirmados. Nossos pensamentos estão com todo o povo americano neste momento sem precedentes. Que a nossa mensagem transmita solidariedade e os dê esperança e força. Estamos ansiosos para nos encontrar novamente aos pés do Matterhorn, estamos todos juntos nessa”.

Itália

“A Itália, o país mais afetado pelo coronavírus na Europa e localizado logo atrás do Matterhorn, diz #grazie. Obrigado a todos os italianos que estão na linha de frente e comprometidos em combater a emergência: os doutores, a equipe médica, os voluntários, a polícia, os bombeiros e todo mundo que está protegendo e salvando vidas”.

 (Frank Schwarzbach/Divulgação)

China

“A população da China sofreu muito, agora está no caminho da recuperação. Mandamos nossos melhores desejos – especialmente para Lijiang, a cidade irmã chinesa de Zermatt. Por anos mantivemos um intercâmbio cultural e esperamos ansiosamente pelos tempos que poderemos nos visitar de novo”.

 (Frank Schwarzbach/Divulgação)

Espanha

“Queridos cidadãos espanhóis, vocês foram severamente afetados pelo coronavírus. Nós lhes desejamos muita perseverança e boa saúde. Suas famosas procissões de Páscoa não aconteceram esse ano – este foi um golpe duro. No entanto, tentem celebrar da melhor maneira que puderem junto com as pessoas que amam. Nossos pensamentos estão com vocês. #EsteVirusLoParamosUnidos”.

 (Gabriel Perren/Divulgação)

Dream now – travel later

Além das bandeiras, outros tipos de projeções são feitas no Matterhorn, com mensagens para as pessoas se manterem juntas, em casa, e com esperança. Neste caso, o intuito era incentivar os turistas a esperar para viajar. 

“Queridos turistas, sabemos que vocês desejam nos visitar. Logo poderemos nos encontrar de novo. Porém, pelo momento, a saúde é a nossa prioridade. Assim, todos nós seguimos as instruções das autoridades e estamos em casa. Mas sonhar não está proibido. Incentivamos você com ótimas fotos nessa época sem viagens e mandamos nossos melhores votos do Matterhorn: sonhe agora, viaje depois”.

 (Gabriel Perren/Divulgação)

Veja todas as fotos e mensagens aqui

Essa não é a única iniciativa que inspira solidariedade pelo mundo durante a pandemia. O Cristo Redentor foi iluminado com as bandeiras dos países afetados pelo vírus, luzes de Natal voltaram às ruas e empresas de turismo organizaram ações para ajudar a combater a crise.

Leia tudo sobre o coronavírus

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s