Volta ao mundo em 20 fragrâncias

Os perfumes possuem forte conexão com a memória, podem ser uma ótima forma de relembrar uma viagem e ainda despertar a vontade de conhecer um novo lugar

Uttar Pradesh, Índia O delicado trabalho de mulheres na destilação de pétalas no estado indiano de Uttar Pradesh

O delicado trabalho de mulheres na destilação de pétalas no estado indiano de Uttar Pradesh (Tuul & Bruno Morandi/Getty Images)

A memória olfativa não só existe como é poderosa. O fenômeno de lembrar de algo ou alguém ao sentir um cheiro acontece porque o olfato está diretamente ligado à parte do cérebro responsável pela memória e pelas emoções.

Esse fenômeno difere de todos os outros sentidos, que são primeiro processados em outros lugares do cérebro e só depois encaminhados ao centro da memória. Sendo assim, pode-se dizer que os cheiros são um gatilho mais forte para as lembranças do que a visão, a audição, o paladar ou o tato.

Também não é coincidência que um perfume seja capaz de remeter a algum lugar do mundo. Cada fragrância carrega notas de diferentes ingredientes, que, por sua vez, vêm de diferentes partes do mundo.

Para entender melhor sobre esse universo, a VT conversou com o perfumista Leandro Petit, que além de ser formado em Engenharia Química, estudou durante três anos na escola de perfumaria Givaudan Perfumery, em Argenteuil, na França. Hoje, ele atua na filial brasileira da fabricante suíça de fragrâncias Givaudan.

Segundo Leandro, mais de duas mil moléculas naturais e sintéticas são utilizadas na perfumaria. Alguns desses ingredientes são tão icônicos que remetem de imediato ao seu local de origem. É o caso do jasmim da Índia, das lavandas da Provence, das rosas da Bulgária…

Campos de lavanda A associação entre lavandas e a região francesa da Provence é praticamente imediata

A associação entre lavandas e a região francesa da Provence é praticamente imediata (Hans/Pixabay)

Porém, as associações nem sempre são tão óbvias. “Um dos perfumes que criei após ter feito uma viagem inspiradora é o Timanfaya, nome de um parque nacional repleto de vulcões que conheci nas Ilhas Canárias. A paisagem cinzenta e seca me inspirou a trabalhar com uma combinação de patchouli, que vem da Indonésia, e cisto ládano, que tem um cheiro defumado e é uma planta muito típica da Andaluzia”, conta Leandro.

Ou seja, elementos da Europa e da Ásia se uniram para criar uma fragrância que remete à paisagem de um arquipélago próximo da África.

Também existem casos em que o processo criativo do perfumista acontece no sentido contrário. Com a missão de criar uma fragrância inspirada no Brasil para a L’Occitane au Brésil, Leandro viajou para Manaus, Belo Horizonte, Salvador e Rio de Janeiro.

Na capital do Amazonas, o famoso Encontro das Águas o levou a usar uma mistura de notas aquosas quentes e frias. Da capital baiana veio a ideia de adicionar um leve toque do coentro, tão utilizado na gastronomia local. Em BH, ele decidiu adicionar ainda mais notas gourmand depois de se encantar com os cheiros do café e dos pães de queijo quentinhos. A Cidade Maravilhosa, por fim, foi homenageada através de notas verdes e amadeiradas que, para ele, remetem ao bonito relevo local.

Segundo o perfumista, cada fragrância pode ser composta por uma combinação de mais de 300 ingredientes. Por isso, os nomes dos perfumes e os designs de suas embalagens também são importantes na hora de associar o produto a um lugar.

Um bom exemplo disso é o Shalimar, da Guerlain. “A marca criou esse perfume com base na história do Taj Mahal e o frasco representa as formas do palácio”, conta o perfumista. Além disso, o nome vem do sânscrito “morada do amor”.

Por fim, existem os casos em que os perfumes estão relacionados à história de um destino. As primeiras referências ao perfume remontam às antigas civilizações do Oriente Médio, em especial à egípcia.

No mercado Khan El-Khalili, no Cairo, é possível encontrar até hoje um óleo que supostamente era usado pela própria Cleópatra para se perfumar. O produto é chamado de “Queen of Nile Perfume Oil” e não é vendido em uma embalagem oficial. Por isso, é importante pedir para o vendedor deixar experimentar antes de comprá-lo: não é incomum golpistas comercializarem o óleo com mais água ou álcool do que qualquer outra coisa.

Khan el-Khalili, Cairo, Egito Uma pequena loja de perfumes no mercado de Khan el-Khalili, no Cairo

Uma pequena loja de perfumes no mercado de Khan el-Khalili, no Cairo (Patrick Chapuis/Getty Images)

Uma experiência mais confiável é a da Officina Profumo-Farmaceutica di Santa Maria Novella, em Florença, na Itália. A loja existe desde 1612 e continua vendendo o perfume L’Acqua di S.M.Novella, que foi criado ali especialmente para a fiorentina Catarina di Medici usar no dia de seu casamento com Henrique II, o então rei da França.

Para viajar no espaço, no tempo e nas memórias de viagem, elaboramos uma lista de perfumes que foram inspirados em lugares ao redor do mundo:

1. Batucada da L’Artisan Parfumeur – € 120,00

O perfume procura celebrar o espírito do Brasil através de seus principais estereótipos: samba, praia e Carnaval. Para isso, a marca se baseou no cheiro da caipirinha e do sal marinho.

2. Classica da Acqua dell’Elba – € 48,00

A marca teve como objetivo recriar a ilha italiana de Elba através de perfumes que são produzidos artesanalmente com plantas locais e outras notas que remetem ao aroma da brisa do mar. O perfume clássico possui notas que remetem à laranja, rochas marinhas e bosques mediterrâneos.

3. Costa Azurra da Tom Ford – US$ 240,00

A fragrância captura o clima da Sardenha, paradisíaca ilha italiana. Estão presentes os cheiros das praias, das ervas e das árvores locais.

4. Dark Amber & Ginger Lily da Jo Malone – R$ 900,00

A cerimônia kohdo é um ritual japonês de apreciação do incenso. Geralmente, o incenso utilizado nessa celebração é o kyara, base desse perfume da Jo Malone. A fragrância também possui notas da orquídea negra, flor adorada pelos japoneses.

5. Dzongkha da L’Artisan Parfumeur – € 120,00

A proposta do perfume é proporcionar uma viagem pelo Butão e montanhas dos Himalaias. Para isso, a marca se inspirou no cheiro dos incensos, das ervas utilizadas para fazer chás, da madeira ardendo nas fogueiras e do couro envelhecido.

Vietnã Duas mulheres vietnamitas fazem buquês de palitos de incenso para deixá-los secar ao sol

Duas mulheres vietnamitas fazem buquês de palitos de incenso para deixá-los secar ao sol (Felix Cesare/Getty Images)

6. Earl Grey & Cucumber da Jo Malone – R$ 350,00

A inspiração para esse perfume foi a tradição britânica do chá da tarde. A fragrância mescla a bergamota, ingrediente presente no chá Earl Grey, cera de abelha, baunilha e pepino.

7. Grapefruit da Jo Malone – R$ 700,00

O perfume remete à Espanha devido às notas de toranja, cujos pomares são abundantes na costa do país. Para completar, a fragrância leva notas de alecrim, menta e pimentão.

8. Honeysuckle & Davana da Jo Malone – R$ 350,00

A marca se inspirou no clima bucólico das paisagens do interior da Inglaterra para criar essa colônia, que carrega consigo o cheiro da madressilva, flor comum no país, e do musgo, que traz um toque amadeirado.

9. Incense & Cedrat da Jo Malone – R$ 620,00

Para traduzir Omã, país que serviu de inspiração para esse perfume masculino, a marca utilizou como nota principal o incenso.

10. Indian Night Jasmine da Body Shop – R$ 125,00

A fragrância, que tem como ingredientes principais jasmim, violeta e sândalo, traduz os perfumes da noite indiana.

11. Japanese Cherry Blossom da Body Shop – R$ 125,00

O perfume possui acordes amadeirados e florais, que remetem ao aroma das flores das cerejeiras de Kyoto, no Japão. É praticamente uma viagem à primavera japonesa.

Cerejeiras, Japão O perfume que emana das cerejeiras na época de sua floração também já serviu de inspiração para a criação de perfumes

O perfume que emana das cerejeiras na época de sua floração também já serviu de inspiração para a criação de perfumes (Katya-Guseva0/Pixabay)

12. Jasmine Sambac & Marigold da Jo Malone – R$ 620,00

A inspiração para a criação desse perfume foram os campos de jasmim e de calêndula encontrados na Índia.

13. Lavanda da L’Occitane en Provence – R$ 149,00

A marca se inspirou nas fontes de água da região francesa da Provence para criar essa água de colônia, que possui notas de lavanda e manjericão.

14. Marrakech Intense da Aesop – US$ 115,00

Como o próprio nome indica, a inspiração para esse perfume foi a cidade marroquina de Marrakesh, em especial os aromas das especiarias usadas em seus pratos tradicionais e as cores intensas dos seus souks. A fragrância leva notas de cravo, sândalo e cardamomo, além de jasmim e bergamota.

Especiarias, Marrocos As especiarias vendidas em mercados árabes inspiram não só os chefs de cozinha como também os perfumistas

As especiarias vendidas em mercados árabes inspiram não só os chefs de cozinha como também os perfumistas (Csr_ch/Pixabay)

15. Nectarine Blossom & Honey da Jo Malone – R$ 700,00

O perfume foi inspirado do mercado londrino de Convent Garden pela manhã, que emana o cheiro de nectarinas, pêssegos e flores.

16. Olinda de Viver da L’Occitane au Brésil – R$ 137,90

Inspirada pelas cores, pela alegria e pela beleza da cidade de Olinda, em Pernambuco, a marca desenvolveu uma fragrância floral e frutada com óleo de gerânio.

17. Pomegranate Noir da Jo Malone – R$ 490,00

O cheiro da romã e da pimenta rosa, tão comuns nos mercados árabes, estão presentes nessa colônia, que também possui notas do lírio Casablanca.

18. Rosas Inglesas da Body Shop – R$ 159,00

Com essência de rosas britânicas colhidas à mão na comunidade de Herefordshire, no oeste da Inglaterra, esta fragrância floral emana suavidade e sofisticação.

Herefordshire, Inglaterra As rosas são um clássico da perfumaria. Na foto, rosas do condado de Herefordshire, na Inglaterra.

As rosas são um clássico da perfumaria. Na foto, rosas do condado de Herefordshire, na Inglaterra. (Christine McIntosh/Flickr)

19. Tuscan Leather da Tom Ford – US$ 240,00

Ao caminhar pelo Mercato del Porcellino, em Florença, os visitantes sentem o cheiro marcante das peças de couro toscano que são vendidas ali aos montes. Esse mesmo cheiro aparece nesse perfume masculino criado por Tom Ford, que tem notas de couro e camurça complementadas por framboesa e tomilho.

20. Vetiver & Golden Vanilla da Jo Malone – R$ 190,00

O perfume combina dois ingredientes encontrados na ilha de Madagascar: o cardamomo e a baunilha.

Veja mais dicas de como viajar sem sair de casa

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.