Paus de selfie e garrafas de vidro estão proibidos em Milão

A medida vai proibir o uso de paus de selfie, garrafas de vidro e carrinhos de comida na cidade de Milão durante os meses de verão

Por Ariene Leite Atualizado em 6 set 2017, 20h05 - Publicado em 24 jul 2017, 16h02

As autoridades de Milão, na Itália, proibiram no último 14 de julho o uso de paus de selfie, garrafas de vidro e carrinhos de comida nas ruas da cidade. De acordo com o The Local, a medida foi tomada com o objetivo de reduzir o lixo na cidade e evitar comportamentos anti-sociais durante os meses de verão.

Os turistas e moradores que estiverem na cidade estão proibidos de segurar e carregar qualquer tipo de garrafa de vidro, latas e paus de selfie entre as áreas de Piazza XXIV Maggio, Avenida Gorizia, Via Codara, Praça Cantore e Avenida Gabriele D’Annunzio. Além disso, a nova regulamentação proíbe qualquer tipo de “comércio de rua” banindo de vez a circulação dos foodtrucks na região.

Em entrevista para o The Local, a conselheira de segurança de Milão, Carmela Rozza, disse que quer “habituar as pessoas a não trazerem garrafas de vidro ou latas para esta zona turística” e conscientizá-las a beber em copos de plástico.

Milão não é a primeira cidade da Itália a introduzir regras polêmicas aos moradores do país e turistas que visitam o país. Recentemente, uma lei que proíbe o consumo de bebida alcoólica nas ruas à noite foi aprovada pela prefeitura de Roma, provocando insatisfação dos comerciantes e consumidores da cidade.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade