Argentina dispensa vacinados de apresentar RT-PCR

Agora, o país exige apenas comprovante de vacinação, formulário preenchido e seguro com cobertura para Covid-19

Por Bárbara Ligero Atualizado em 28 jan 2022, 13h37 - Publicado em 28 jan 2022, 11h57

A partir do dia 29 de janeiro, os brasileiros que já foram completamente vacinados contra a Covid-19 não precisarão mais apresentar resultado negativo para um teste RT-PCR para entrar na Argentina. A lista completa de exigências é a seguinte:

  • Os viajantes a partir de 18 anos devem apresentar comprovante de vacinação completa há pelo menos 14 dias com as duas doses da Pfizer, AstraZeneca, Moderna e Coronavac ou com a dose única da Janssen;
  • Todos os viajantes devem preencher a declaração juramentada dentro das 48 horas que antecedem a viagem;
  • Todos os viajantes devem ter seguro de saúde com cobertura para Covid-19, incluindo serviços de hospitalização, isolamento e transferência médica em caso de doença, suspeita ou contato próximo.

Leia tudo sobre Argentina

Busque hospedagem na Argentina

 

 

    Continua após a publicidade

    Publicidade