Coronavírus: Latam suspende voos entre São Paulo e Milão

O aumento do número de casos na Itália e a decrescente procura pela rota fizeram a aérea suspender voos até 16 de abril; veja as alternativas

A Latam suspendeu os voos entre São Paulo e Milão devido à propagação do coronavírus na Itália, que até o momento registrou 34 mortes e cerca de 1.700 casos da doença. 

O cancelamento da rota Guarulhos – Milão acontecerá a partir do dia 2 de março até 16 de abril, enquanto o retorno será suspenso a partir de amanhã, dia 3.  Atualmente, a companhia opera sete frequências semanais para o destino.

“Estamos observando o cenário desta contingência de saúde pública mundial e a decisão da companhia é baseada, em primeiro lugar, na propagação do vírus na Itália, assim como na queda atual na demanda da rota” explica Jerome Cadier, CEO da Latam, em comunicado.

A companhia também afirmou seu compromisso com os clientes afetados, que terão a opção de remarcação sem multa ou reembolso completo. Passageiros poderão escolher entre uma das seguintes opções, sem cobrança de taxas e dentro da validade do bilhete:

  • Remarcação da data do voo (sem multa ou diferença tarifária)
  • Reembolso completo (sem multa)
  • Remarcação de origem/destino (sem multa e sujeito a diferença tarifária)

Já os viajantes que retornariam ao Brasil de Milão terão seu regresso garantido por meio de voos da Latam ou de companhias aéreas parceiras que operam esta rota, informou a empresa.

Para escolher uma dessas alternativas, passageiros precisam entrar em contato com a Central de Atendimento ao cliente por meio do telefone 0300 5705700.

Veja também

Situação na Itália

O país é, até o momento, o terceiro do mundo com mais casos do coronavírus, atrás apenas da China e da Coréia do Sul. São cerca de 1.700 casos e 34 mortes, sendo as vítimas majoritariamente idosos que já sofriam de outros problemas de saúde. A parte mais afetada do país é o norte, especialmente as regiões da Lombardia e do Vêneto. 

Medidas foram tomadas para impedir a proliferação do vírus: o Carnaval de Veneza foi cancelado um dia antes do término, o Salão do Móvel de Milão foi adiado de abril para junho e escolas, teatros, museus e atrativos turísticos foram fechados. Fechado desde o dia 23 de fevereiro, o Duomo de Milão foi reaberto para visitação no dia 2 de março, com vendas apenas pela internet. 

Outras companhias aéreas também emitiram comunicados sobre sua operação na Itália. Confira aqui

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s