Cabras selvagens invadem cidade em quarentena no Reino Unido

Os animais decidiram aproveitar a ausência de humanos nas ruas para dar uma voltinha por Llandudno, no País de Gales

Por Bárbara Ligero Atualizado em 2 abr 2020, 16h28 - Publicado em 2 abr 2020, 15h36

Um rebanho de cerca de 100 cabras selvagens da raça caxemira tomaram conta da cidade de Llandudno, no País de Gales, enquanto os residentes estão confinados em suas casas por conta da pandemia de coronavírus.

Geralmente, os animais vivem no Great Orme, formação rochosa que é uma atração turística local, nos arredores de Llandudno.

  • Em seu Twitter, o morador e produtor de vídeos Andrew Stuart contou que, na semana passada, viu o rebanho comendo arbustos pelas ruas da cidade. Ele então chamou a polícia, que tirou as cabras de Llandudno – temporariamente.

    Alguns dias depois, as cabras voltaram fazendo uma algazarra. Além de correrem pelas ruas em bando, elas estão invadindo estacionamentos e espiando as pessoas pelas janelas das casas.

    Os residentes, porém, estão se divertindo com esse entretenimento gratuito e inesperado.

    Llandudno, País de Gales, Reino Unido
    Morador espia as cabras por uma porta de vidro – e vice-versa Peter Byrne/Getty Images

    Essa não é a primeira vez que os animais tomam conta dos lugares vazios. Em Veneza, é possível ver peixes nadando nas águas do canais, que estão mais limpos sem o vai-e-vem das gôndolas e barcos. Em Chicago, pinguins estão passeando livremente pelo aquário.

    Na Tailândia, porém, as notícias não são positivas: elefantes que são explorados pelo turismo estão passando fome e correm risco de serem usados para trabalhos ilegais em madeireiras.

    Leia tudo sobre coronavírus

    Leia tudo sobre Reino Unido

    Continua após a publicidade
    Publicidade