Empório dos Mellos, em Campos do Jordão, é para curtir sem pressa

Alheio ao burburinho da Vila Capivari, o bucólico restaurante serve pratos com ingredientes produzidos na Serra da Mantiqueira

Por Fernando Victorino Atualizado em 27 Maio 2022, 12h38 - Publicado em 26 Maio 2022, 22h13

Na entrada do estacionamento, o desenho de um caracol e a inscrição slow food não deixam dúvida: ali cada garfada merece ser apreciada. Para começar, embora faça parte de Campos do Jordão, o Empório dos Mellos está a 18 quilômetros da frenética Vila Capivari (e muito mais perto da vizinha Santo Antônio do Pinhal).

As portas altas da casa que o restaurante ocupa há 15 anos abrem de sexta-feira a domingo (a partir de junho também às quintas-feiras). Do campo à mesa, a cozinha de roça capitaneada pelo chef Chico Lima é descomplicada, refletida em um cardápio de poucos pratos, elaborados com ingredientes frescos, vindos de produtores da Serra da Mantiqueira.

Trazida de Sapucaí-Mirim, cidade de Minas Gerais quase na divisa com o estado de São Paulo, a 15 quilômetros dali, a truta (R$ 89) servida com o mix de castanhas (baru, do Pará e de caju), nhoque de banana e almeirão-roxo é definida no menu como “fantástica”. Acredite, não há imodéstia.

Até que a refeição chegue à mesa, abra o apetite com pastéis recheados pelo queijo meia cura da Serra da Canastra, produzido na também mineira Paraisópolis, distante cerca de 40 quilômetros do Empório dos Mellos. Sequinha e farta, a porção com 8 unidades (R$ 32) casa bem com a Araukarien (R$ 27; 500 ml), uma das cervejas artesanais fabricadas na região.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Emporio dos Mellos (@emporiodosmellos)

Continua após a publicidade

Garrafas dela e de outros fornecedores estão à venda no empório, aberto das 9 às 17 horas – o restaurante funciona entre 12h30 e 16 horas. Aproveite para conhecer a cuidadosa curadoria de produtos orgânicos; molhos, azeites, mel e chocolates, entre outras perdições.

Das 9h30 às 11 horas, o empório também serve duas opções de café da manhã. A mais simples, a R$ 32, é composta por leite, frutas com granola, manteiga, pães de fermentação natural e geleias da casa. A versão mais encorpada (R$ 45) ganha os acréscimos de suco de fruta, ovo caipira mexido, queijo meia cura e fatia de bolo do dia. Em ambas, o café passado em coador é servido no bule.

Fica na Rua Elídio Gonçalves da Silva, 1.800, no Bairro dos Mellos, e está a 10 quilômetros do município de Santo Antônio do Pinhal. Certifique-se do horário de funcionamento nas redes sociais.

Continua após a publicidade

Publicidade