Além-mar Por Blog Rachel Verano rodou o mundo, mas foi por Portugal que essa mineira caiu de amores e lá se vão, entre idas e vindas, quase dez anos. Do Algarve a Trás-os-Montes, aqui ela esquadrinha as descobertas pelo país que escolheu para chamar de seu

Portugal sustentável: restaurantes e comidinhas

Cozinha vegetariana, vegana, foco no pequeno produtor e no consumo local. Estes 10 endereços de norte a sul são amigos do ambiente e de práticas saudáveis

Por Rachel Verano Atualizado em 28 out 2019, 15h22 - Publicado em 28 out 2019, 15h01
Prato do Sála, em Lisboa, à base de couve: obra de arte gourmet (e vegetariana!) Bruno Barata/Reprodução

No dia 15 de outubro, comemorou-se o dia do consumo consciente. Naquele dia, escrevi sobre quatro hotéis incríveis  com uma pegada ecológica em Portugal (leia aqui). Mas a verdade é que a onda eco-friendly, onde incluo também os orgânicos, bios e afins, chegou com tudo em Portugal. Tímida até bem pouco tempo atrás, ela agora se manifesta nos mais diversos segmentos. Continuando no tema, eis, agora, uma pequena lista de bons restaurantes e endereços de comidinhas saudáveis.

  • LISBOA

    Ao 26
    Uma sardinha que não é sardinha, um arroz “de pato” sem pato, um sanduíche “de salmão” sem salmão. Neste restaurante 100% vegano no Chiado, há divertidas (e saborosas) criações inspiradas em pratos clássicos. Não vá embora sem provar a torta de Oreo – essa de verdade!

    View this post on Instagram

    Poderia ser chouriço? Poderia, mas não era a mesma coisa! 😉 Por um mundo mais livre para todos os seres, sem qualquer excepção e sem prescindir da cultura gastronómica do nosso país: Arroz de "Pato" #crueltyfree

    A post shared by Ao 26 - Vegan Food Project (@ao26veganfoodproject) on

    Da Terra
    Mais do que privilegiar os ingredientes biológicos, esta cadeia de restaurantes vegetarianos começou a produzi-los. Há pratos fixos que mudam todos os dias e o tofu e o seitan reinam. São ótimos os pasteis de nata veganos. Também está presente no Porto.

    View this post on Instagram

    Mais uma tentação saudável 🙌 Para quem ainda não experimentou o nosso crumble de maçã, hoje partilhamos o "behind the scenes" do seu interior 😇

    A post shared by daTerra (@daterra_vegetariano) on

    Eight, The Health Lounge
    Podia estar na Escandinávia, mas está em plena Baixa Lisboeta. Em um ambiente moderninho, serve delícias 100% vegan. No menu, bowls, shots concentrados, sucos naturais, smoothies e ótimas torradas, como a de manteiga de coco com chia, doce de morango e ananás.

    View this post on Instagram

    Dive in 🧜‍♀️🧜‍♂️😄🤤 . . . #lisboa #lisbonlovers #lisboacool #lisboaconvida #plantbasedtravel #eatrealfood #eatclean #plantpower #timeoutlisboa #theforkpt #veganlisbon #eattherainbow🌈 #eatingfortheinsta #lisbonvegan #huffposttaste #happycow #foodgram #brunchideas #lisboapontocome #healthy

    A post shared by Eight - The Health Lounge (@8healthlounge) on

    LOCAL, Your Healthy Kitchen
    Banhado de luz natural e com uma oliveira no salão, propõe uma alimentação saudável em um ambiente elegante onde é servido um famoso brunch aos finais de semana. O poke pode ter como base arroz negro, quinoa, abobrinha… e tofu no topo! Também são famosas as ostras.

    View this post on Instagram

    A nossa nova bruschetta. Pão de centeio, hummus de beterraba, espinafres e halloumi . Our new bruschetta! Beetroot hummus, spinach and halloumi. #makinghealthytastedelicious #localyourhealthykitchen #cascaislovers #lisbonlovers #foodlovers #healthychoices #healthylisbon #healthyfood #healthylifestyle #eatclean #lisboapontocome #igerslisbon #instafood #lisbonfood #zomatopt #toplisbonrestaurants #naturalfoods #foodforhealth #eatwellbewell #plantbased #realfood

    A post shared by LOCAL-Your Healthy Kitchen (@localyourhealthykitchen) on

    Naked
    A melhor hora para estar nesta casa pequenina e cheia de bossa, em pleno Príncipe Real, é durante o buffet de almoço, quando desfilam receitas deliciosas, orgânicas e sem aditivos. Pratica o que chama de filosofia “flexitarian”, sem radicalismos ou exclusões. Na prática, isso significa que está orientado a opções saudáveis, em sua maioria vegetarianas e veganas, mas sem rótulos.

    View this post on Instagram

    O novo smoothie “Amazon & Us” com açaí, banana e sumo de laranja. Ideal para acompanhar o seu brunch de fim‑de‑semana no Naked. Our newest smoothie, “Amazon & Us”, made with açaí, banana and orange juice. Ideal to go with your week-end brunch at Naked. #principereal #lisbonrestaurants #lisboapontocome #lisboalive #lisbonfoodguide #lisbonfood #timeoutlisboa #veganlisboa #vegetarianlisboa #flexitarian #nakedlisboa #lisbonfoodies #glutenfree #healthyfood #tudoaonatural #brunchlisboa #lisbon #lisbonbreakfast #zomatopt #lisbonlovers #restauranteslisboa #grababite.lisbon #brunch #veganfood #newintown

    A post shared by nakedlisboa (@nakedlisboa) on

    Sála
    Antes de abrir esta casa, cotada a ser uma das próximas estreladas da capital, o chef João Sá mapeou todos os pequenos produtores com quem gostaria de trabalhar. Assim, tem o senhorzinho que mói toda a farinha, o fornecedor de lampréia, o de capão… E não abre mão deles! Aboliu o uso de papel e sempre tem pratos vegetarianos e veganos no menu – caso do ótimo grão de bico com vegetais e tempeh.

    Continua após a publicidade
    View this post on Instagram

    Matéria-prima. - #SÁLA #SÁLAdeJoãoSá #JoãoSá #ChefJoãoSá #joaosa86 #InstaFood #GastroArt #Gastronomy #FoodPhotography

    A post shared by SÁLA de João Sá (@sala_de_joao_sa) on

    GUIMARÃES

    A Cozinha
    Eleito o restaurante mais sustentável do mundo segundo o ranking 2018 do selo Green Key, estabeleceu três compromissos sérios: o uso de ingredientes locais; a sazonalidade dos produtos; e a política do zero (ou quase) desperdício. A prova de que é possível comer bem e ser consciente? Sua cozinha acaba de ganhar uma estrela Michelin.

    Prato do restaurante A Cozinha, em Guimarães: o mais sustentável do mundo Divulgação/Divulgação

    PORTO

    Em Carne Viva
    Instalado em uma bela casa do século 19 onde toda a reforma já privilegiou o uso de materiais reciclados, tem um delicioso jardim secreto e menu vegetariano e vegano inspirado nos sabores tradicionais da culinária regional portuguesa – entre os pratos, cogumelos à Bulhão Pato, tofu a lagareiro, francesinha de vegetais…

    View this post on Instagram

    Foi também numa sexta-feira 13, decorria o ano de 2013, precisamente há 6 anos atrás, que o restaurante Em Carne Viva abriu as portas ao público pela primeira vez. Para sinalizar o nosso sexto aniversário oferecemos 50% de desconto em todos os menus, entradas, pratos ou sobremesas para um mínimo de 2 pessoas por mesa. O desconto exclui bebidas, aplica-se apenas ao dia de hoje, só se aplica mediante reserva prévia e sujeito à disponibilidade. Sejam bem-vindos! Reserve através do tel 932352722 #emcarneviva #restaurant #finedinning #vegetarian #vegan #crueltyfree #porto #portugal #happybirthday

    A post shared by Em.Carne.Viva (@em.carne.viva) on

    Fava Tonka
    Parede verde na entrada, vasos pendurados no teto, madeira aparente. Lembra os restaurantes moderninhos de Berlim, e define sua cozinha como “sazonal e orgânica, de matriz vegetariana”. Há também ótimos pratos plant-based, como o curry com funcho, chutney de nectarina e granizado de arroz jasmim.

    View this post on Instagram

    🇵🇹 Outro ícone do restaurante é a Sopa de Cebola, Trufa e Queijo da ilha S. Jorge. Gulosa e reconfortante, inspirada na clássica sopa de cebola francesa, aqui o pão assume a forma de uma rabanada salgada de cebola, coberta com o queijo gratinado. * 🇬🇧 Onion Soup, Truffle and S. Jorge Cheese is another Fava Tonka’s icon. Delicious and comforting, inspired by the classic French onion soup, this time the bread is presented as a savory onion infused French toast, topped with the cheese. #favatonka

    A post shared by Fava Tonka (@favatonkapt) on

    EM TODO O PAÍS

    Celeiro
    Supermercado de produtos saudáveis que vende de alimentos a óleos essenciais, cosméticos naturais e suplementos alimentares. Há artigos biológicos, vegetarianos, veganos, sem glúten, sem lactose… Algumas lojas têm espaços de refeição.

    View this post on Instagram

    Já ouviu falar da abóbora Hokkaido? 🤔 Esta abóbora, à venda nas lojas Celeiro, está revestida por uma casca fina, mas relativamente dura. É um legume que apresenta uma polpa de cor laranja clara, firme e com um sabor doce e delicado. A abóbora apresenta um baixo valor energético (9kcal/100g). Esta hortícola é maioritariamente constituída por água (97%) e é fonte de vitamina A e C. Leve-a no carrinho e delicie-se! . . . . . #celeiro_viverdecorpoealma #geraçãoceleiro #abóbora #pumpkin #hokkaido #healthy #healthyliving #healthylifestyle

    A post shared by Celeiro (@celeiro_viverdecorpoealma) on

     

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade