Douro: a mais antiga denominação de origem de vinhos do mundo

Paisagens de sonhos e ótimos brindes no Norte de Portugal, pertinho do Porto

Vinhedos, rio, história: viagem no tempo, que pode inclusive ser literal, a bordo de uma maria fumaça antiga

Vinhedos, rio, história: viagem no tempo, que pode inclusive ser literal, a bordo de uma maria fumaça antiga (Bruno Barata/Reprodução)

O cenário parece desafiar as leis da física. As plácidas águas do Douro, nascido em terras espanholas, desenham curvas suaves ao longo de pouco mais de 200 quilômetros de terras portugueses até encontrar o mar.

Pare, freie, vá com calma: o melhor aqui é a paisagem

Pare, freie, vá com calma: o melhor aqui é a paisagem (Bruno Barata/Reprodução)

Paisagens que são verdadeiras texturas: montanhas de xisto cobertas de vinhedos

Paisagens que são verdadeiras texturas: montanhas de xisto cobertas de vinhedos (Bruno Barata/Reprodução)

Pelo caminho, singram vales profundos e vencem montanhas escarpadas de xisto onde se equilibram, há séculos, os vinhedos que dão origem a uma das mais famosas bebidas fortificadas do planeta: o nobre vinho do Porto (e não só, já que os brancos e tintos da região são dos melhores do país).

Uma colcha de retalhos de vinhedos e, no meio, o rio: pura poesia

Uma colcha de retalhos de vinhedos e, no meio, o rio: pura poesia (Bruno Barata/Reprodução)

Por todo canto, quintas aristocráticas e eles: os vinhedos que dão origem a um dos mais famosos vinhos do mundo

Por todo canto, quintas aristocráticas e eles: os vinhedos que dão origem a um dos mais famosos vinhos do mundo (Bruno Barata/Reprodução)

Aqui e ali, quintas aristocráticas e vilas suspensas no tempo coroam a paisagem. Vez ou outra, velhos comboios varrem com vagar a paisagem fazendo tudo parecer ainda mais surreal.

O sobe e desce verdinho, que parece uma pintura

O sobe e desce verdinho, que parece uma pintura (Bruno Barata/Reprodução)

A história é contada da mesma maneira desde tempos imemoriais. Entra ano, sai ano, é do trabalho do homem que vai nascer algumas das maiores pérolas da enologia mundial. Colheita, pisa… tudo ainda é artesanal por aqui.

Ponte sobre o Douro em Peso da Régua, uma das bases para explorar a região

Ponte sobre o Douro em Peso da Régua, uma das bases para explorar a região (Bruno Barata/Reprodução)

A singela estação de Tua: ainda em operação nos dias de hoje

A singela estação de Tua: ainda em operação nos dias de hoje (Bruno Barata/Reprodução)

Bem-vindos ao Douro, a primeira denominação de origem de vinhos do mundo, decretada pelo Marquês de Pombal nos idos de 1756. Hoje, tudo isso é Patrimônio Mundial.

Pedras de xisto, vinhedos, montanhas: a essência do Douro

Pedras de xisto, vinhedos, montanhas: a essência do Douro (Bruno Barata/Reprodução)

O barquinho vai, a tardinha cai… Arredores de Tua

O barquinho vai, a tardinha cai… Arredores de Tua (Bruno Barata/Reprodução)

Reserve a sua hospedagem no Douro aqui.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s