Nova York entre Amigos Sabe aquela amiga que dá dicas, faz o roteiro da sua viagem e avisa quando tem promoção de passagem? Essa é a Talita Ribeiro! E o melhor é que agora ela vive em Nova York e compartilha aqui todos os seus achados na cidade.

Pequeno manual para aproveitar os dias de chuva em Nova York

A previsão é de tempestade durante sua estadia em Nova York? Calma: aqui tem dicas de atrações, lojas, bakeries, tudo para te deixar seco

Por Talita Ribeiro 31 mar 2017, 15h19

Não está sendo fácil”, ao acordar e ver as nuvens densas e a chuva insistente, lembro da cantora Kátia e o famoso meme. Mais que isso, penso com carinho nas pessoas que me escreveram avisando que virão para Nova York nos próximos dias.

Encarar a cidade com chuva pode ser difícil. Os nova iorquinos, que já são apressados por natureza, com guarda-chuva parecem voar – e levar quem estiver no seu caminho.

Então, decidi escrever esse pequeno manual de como sobreviver e aproveitar a cidade em dias úmidos e cinzas. Infelizmente, eles serão muitos nas próximas duas semanas, como você pode ver na previsão abaixo:

Prepare o guarda-chuva e as galochas! Weather Channel

Vento + Chuva = frio

Em Nova York venta muito, muito mesmo! E quando está chovendo, os guarda-chuvas quase nunca não dão conta de te proteger. É importante que você traga um bom casaco impermeável e corta-vento, para não sofrer ao atravessar avenidas mais abertas, por exemplo.

Outra peça que aconselho muito a trazer ou comprar aqui, é um calçado impermeável e confortável. Eu, particularmente, AMO a minha galocha, que comprei na Burlington por US$ 20.

Monte a sua programação com base na previsão do tempo

Parece uma dica boba, mas é bem útil, ao acompanhar como o clima ficará ao longo do dia, você pode definir, por exemplo, ir ao parque no único período “seco”. Ou então, decidir o melhor momento para fazer compras.

Em um mesmo dia a temperatura e as condições meteorológicas podem variar MUITO em Nova York, por isso vale consultar sites ou aplicativos que mostram a previsão para cada período ou hora, como o Weather Channel.

Pense no lado positivo: as atrações a céu aberto tendem a estar mais vazias nos dias chuvosos Rawle C. Jackman/Flickr/Creative Commons

Aproveite os museus e as galerias

Já escrevi sobre isso no meu último post, porém, não custa lembrar: Nova York tem quase 100 museus, para adultos e crianças, é quase impossível que nenhum te interesse.

Mais que isso, além dos museus, a cidade conta com galerias de arte incríveis no Soho e no Chelsea, que você pode visitar, mesmo que não tenha a intenção de comprar algo.

Ah! E elas têm entrada gratuita, inclusive nas vernissages (inaugurações de exposições), que normalmente acontecem quinta-feira à noite, nas galerias da 20th Street, entre a 10 Av. e a 11 Av.

Deixe para fazer compras durante as tempestades

Se você pretende ir a lojas, shopping ou outlets, aproveite para fazer isso nos dias/momentos com a pior previsão, afinal, esses lugares são fechados e seguros. Vale a pena ir ao outlet? Depende do que você quer comprar e da quantidade. Isso porque eles ficam longe e vão tomar um dia da sua viagem.

Continua após a publicidade

Por exemplo, se quiser comprar só peças e cremes da Victoria’s Secret, alguns eletrônicos e coisas para casa, talvez seja melhor ir para centros comerciais mais próximos, como o em frente ao Barclays Center, no Brooklyn.

O Atlantic Terminal fica a apenas 30 minutos de metrô da Union Square, em Manhattan, e conta com Target, Best Buy, Marshalls, Old Navy, Uniqlo, entre outras lojas.

De carro, a pé ou de metrô, evite a Times Square em dias de chuva! Bob Jagendorf/Flickr/Creative Commons

Evite a Times Square durante as tormentas

Calma, eu não estou dizendo para você não ir à Times Square, mas sim para evitar ficar circulando naquela região o tempo todo. Isso porque, o trânsito, que já é bem ruim por ali, fica ainda pior, as pessoas na rua estão mais mal humoradas, e as estações de metrô, supercheias. Se puder, vá depois das 20h para lá, quando o movimento tende a ser menor – já que muitos espetáculos da Broadway começam às 19h e só terminam depois das 21h.

Com chuva fica mais chato e difícil tirar boas fotos com os telões, então, tente encaixar esse passeio em uma “noite seca”.

Outra dica é: se quiser comprar ingressos para os espetáculos da Broadway com descontos de até 65%, não precisa ficar na fila imensa da Tkts, embaixo da escadaria da Times Square. Eles estão presentes em outros três endereços na cidade, bem menos concorridos, e você também pode dar uma olhadinha no site ou aplicativo da TodayTix.

Curta os pequenos cafés e bakeries

Nos dias de chuva a Starbucks fica mais cheia que de costume. E talvez seja um bom momento para  conhecer os pequenos cafés e as bakeries frequentadas pelos locais. Há excelentes opções pela cidade toda, como as que eu compartilhei no post sobre os bons cafés de Nova York.

Aproveito para indicar o meu lugar predileto para trabalhar na cidade, a Zucker Bakery, e uma panificadora ótima que fica pertinho da Union Square, a Breads Bakery.

Tente viajar com poesia no coração para ter uma viagem mais leve

Como nestes versos de Alberto Caiero (vulgo Fernando Pessoa):

“Um dia de chuva é tão belo como um dia de sol.
Ambos existem; cada um como é.”

E lembre-se, você está de férias! Se quiser ficar até mais tarde na cama do hotel, está liberado, se quiser ir para o Central Park dançar na chuva, também! O importante é aproveitar ao máximo a sua viagem, independente do clima 🙂

Quem disse que os dias cinzas não podem ser coloridos? 🙂 Faungg's/Flickr/Creative Commons
Continua após a publicidade

Publicidade