Holanda: Keukenhof adia a abertura dos jardins

Por conta do coronavírus a organização de Keukenhof decidiu adiar a abertura do parque para, em princípio, 6 de abril

Atualizado em 17 de março de 2020

Atenção: a organização de Keukenhof decidiu adiar a abertura do parque para, em princípio, 6 de abril. Originalmente, a data de início da temporada 2020 estava marcada para 21 de março. A organização do evento disse que vai seguir as orientações das autoridades sanitárias holandesas. Clique para ler o comunicado completo.

Tive o privilégio, em 2015, de finalmente ver de camarote a chegada do tão almejado calorzinho na Holanda. No país dos canais e das flores, o fim do inverno é uma catarse que tem como seu maior estandarte o jardim de Keukenhof, a 37 quilômetros do centro de Amsterdã. São sete milhões de flores plantados manualmente, em um espetáculo cuja estrela é a tulipa, presente em mais de 800 variações.

 (NurPhoto/Getty Images)

Quando ir

O jardim recebe visitantes por apenas 50 dias ao ano, na primavera. Em 2020, o parque abrirá entre 21 de março e 10 de maio. O evento mais esperado (mas também o momento mais caótico para visitar o local), a Flower Parade – em que carros alegóricos cobertos de flores desfilam na frente do jardim – acontecerá este ano no dia 25 de abril.

A Flower Parade, o dia mais movimentado de Keukenhof, tem carros repletos de flores

A Flower Parade, o dia mais movimentado de Keukenhof, tem carros repletos de flores (Bloemencorso Bollenstreek/Reprodução)

Como visitar

O horário de abertura é das 8h às 19h30 e a entrada custa € 17,50. Clique aqui para comprar online. Você pode combinar a entrada com o ônibus a partir de Amsterdã, do aeroporto de Schipol e de outras cidades.

Do aeroporto, visitantes podem pegar o ônibus expresso 858, que chega a Keukenhof sem paradas intermediárias. Outro ponto de partida, mais rápido, é a estação Hoofddorp, de onde sai a linha expressa de ônibus 859 de 10 em 10 minutos. Esta opção é interessante para quem estiver por perto da Leidseplein ou da Museumplein, já que o ônibus 397 da Connexxion passa na região e para na estação Hoofddorp.

 (Parque Keukenhof/Divulgação)

Dentro de Amsterdã, na estação de metrô RAI (Europaplein), parte a linha 852. É recomendável comprar o combi-ticket, que inclui a entrada do parque e o transporte de ida e volta, antecipadamente. O valor é diferente de acordo com o ponto de partida, mas varia entre € 27,50 e € 32,50. Nas opções saindo de Amsterdã, os ônibus até a estação Hoofddorp estão inclusos no preço. É possível comprar tudo pelo site oficial.

O jardim

Leão, espantalho, homem de lata e Dorothy não destoariam do cenário. Ou quem sabe Alice, se acrescentássemos uns cogumelos gigantes à paisagem. Na falta deles, holandesas vestidas à caráter dão as boas vindas à multidão de cabecinha inclinada pro lado e sorriso angelical. Is this real life? O desenho dos 32 hectares cobertos de jardins é pensado com precisão matemática, para que as plantas floresçam em três etapas. São sete milhões de bulbos plantados manualmente por 30 jardineiros. E, lembre-se, um jardim não é uma fábrica. É preciso amor, paciência, esforço, leveza.

 (JacobH/Getty Images)

Mas, como tudo o que é bom, a temporada de Keukenhof dura pouco: para que as estrelas da festa sejam vistas apenas no momento de glória, o parque fica aberto ao público oito semanas ao ano.

Parece muito empenho para um prazer visual efêmero. Mas Keukenhof é literalmente uma vitrine da toda-poderosa indústria floricultora holandesa, um negócio que movimenta mais de € 5 bilhões em exportações e é motivo de orgulho nacional. O parque foi fundado em 1949 por um grupo de 20 produtores de bulbos (a etapa inicial da cadeia). Hoje em dia, ele continua sendo mantido sem ajuda do governo por uma centena de produtores de bulbos, e também serve para expor o trabalho de 500 cultivadores.

 (Parque Keukenhof/Reprodução)

O que fazer

Além dos jardins abertos, o parque ainda abriga exposições em pavilhões cobertos, tem playgournds fofinhos para a criançada, e intervenções especiais que mudam a cada ano.

Bicicletas não são permitidas dentro de Keukenhof, mas visitantes podem alugá-las no estacionamento da entrada principal para explorar as áreas em volta do jardim. Outro passeio extra é o de barco pelos canais do parque, com duração de 45 minutos – que pode ser reservado na bilheteria próxima ao moinho de vento. Ambas atividades não podem ser compradas online, apenas presencialmente. ñññññ

O lugar é uma delícia para passear sem pressa. Mas não alimente muitas esperanças de meditar e fazer posições de yoga entre os canteiros. Keukenhof recebe cerca de 800 mil visitantes em apenas um mês! Para driblar a multidão, o melhor a fazer é ir bem cedinho ou no final da tarde, quando os ônibus já foram embora.

Siga @drisetti no Twitter e no Instagram

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

  1. I don’t unremarkably comment but I gotta admit thank you for the post
    on this perfect one :D.