Visite o Oceanário de Lisboa e o Parque das Nações para um programa light

Por Renata Hirota 20 mar 2015, 18h12

O Parque das Nações foi o espaço onde aconteceu a Expo de 1998, quando Lisboa foi sede do evento mundial.

Atualmente, a área é uma das mais modernas da cidade, e tem atrações que aproveitaram as construções da época, como o Oceanário de Lisboa.

Para quem visita a cidade com crianças, ou simplesmente quer um descanso das igrejas, monumentos e castelos e quiser ficar mais de boa, o Oceanário é ideal.

Dá para visitar em pouco tempo, pois não é muito grande, mas também dá para ficar um bom tempo contemplando as diferentes espécies do aquário. Reserve pelo menos uma hora e meia para ver tudo com calma, ler as explicações, etc. Quando eu entrei me disseram que em 1 hora dava para ver tudo, mas eu fiquei quase 3h.

Destaque especial para o peixe-lua, ou mola mola, o maior peixe ósseo do mundo. Não resisti e tive que comprar um pelúcia do peixe na lojinha, na saída!

O peixe-lua pode atingir atingir mais de 3 metros de comprimento, mais de quatro de altura e pesar mais de duas toneladas. (foto: Renata Hirota)

O peixe-lua pode atingir atingir mais de 3 metros de comprimento, mais de quatro de altura e pesar mais de duas toneladas. (foto: Renata Hirota)

"Prazer, peixe-lua."

“Prazer, peixe-lua.”

Continua após a publicidade

Fora o aquário central, que pode ser visto de dois andares, há também espaços divididos por zonas do globo, que trazem espécies típicas dessas regiões, tudo muito didático. Os pinguins e as lontras vão fazer você derreter de tanta fofura. <3

Cada pinguim tem etiquetas coloridas que os identificam. Do lado de fora, um cartaz mostra as cores das etiquetas, nomes e mais informações de cada um deles. (foto: Renata Hirota)

Cada pinguim tem etiquetas coloridas que os identificam. Do lado de fora, um cartaz mostra as cores das etiquetas, nomes e mais informações de cada um deles. (foto: Renata Hirota)

O Oceanário fica aberto das 10h às 19h no inverno, e até uma hora mais tarde durante o verão. O melhor é comprar pela internet, já que há descontos de 15% online. Direto lá na bilheteria, as entradas custam 14 euros, e crianças de 4 a 12 anos e adultos com mais de 65 anos pagam 9 euros.

Dica: depois do Oceanário, dê uma volta no teleférico para uma vista aérea do rio Tejo.

Outros lugares que merecem uma visita por ali são o Pavilhão da Ciência e a Gare Oriente, o terminal de ônibus de onde saem as “camionetas” (ônibus interurbanos) com destinos nacionais e internacionais. Ao lado, fica o Shopping Vasco da Gama. um dos maiores shoppings da cidade.

Veja mais fotos do Oceanário:

DSC_0086_2  DSC_0193_1 DSC_0187_2 DSC_0151_2 DSC_0124_1

DSC_0212_1

Continua após a publicidade

Publicidade