Spanair suspende suas operações e clientes são realocados em voos de outras empresas

A segunda maior companhia aérea espanhola fazia parte da rede Star Alliance

Por Mônica Cardoso Atualizado em 16 dez 2016, 00h46 - Publicado em 30 jan 2012, 16h24

A Spanair, segunda maior companhia aérea espanhola, encerrou suas atividades por problemas econômicos na sexta-feira, 27 de janeiro. Embora não operasse voos diretos a partir do Brasil, ela mantinha parceria (codeshare) com várias empresas como TAM, TAP e Singapore Airlines, da Star Alliance.

A empresa está concluindo um acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) para facilitar o reembolso de passagens que já foram compradas.

A Star Alliance, uma aliança que reúne 28 companhias aéreas e da qual a Spainair fazia parte, informou em nota que está reacomodando os passageiros em voos de companhias parceiras ou não. Por enquanto, ela não divulgou nenhum parecer quanto ao programa de milhagem.

“Os passageiros devem ser comunicados por email ou telefone a respeito da sua situação e como será realocado em outro voo. As milhas continuam valendo para as companhias parceiras, já que o programa de milhagem é uma forma de fidelização do cliente”, avalia Maria Inês Dolci, coordenadora institucional do Proteste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor).

Em nota, TAM, TAP e Singapore Airlines informoram que os clientes que adquiriram passagens da Spanair serão realocados em voos de outras companhias, sem cobrança de tarifas ou taxas adicionais. Para mais informações, os clientes podem entrar em contato com os telefones das companhias:

TAM: 4002-5700 (capitais) e 0800-570-5700 (demais localidades)

TAP: 0300-210-6060

Singapore Airlines: (11) 3179-0886

Continua após a publicidade
Publicidade