Oito vistas espetaculares de São Paulo

Os melhores pontos da capital paulista para ter belíssimas visões panorâmicas da maior cidade da América Latina

São Paulo possui excelentes pontos para apreciar seu skyline. Veja oito pontos pela megalópole que são perfeitos para relaxar e observar a cidade do alto:

1. Terraço Itália

Terraço Itália

Piano, jantar à luz de velas, paredes de vidro e uma vista sensacional a 165 metros de altura. O restaurante cobra couvert, que fica mais caro nas noites com jantar dançante. Para economizar, passe lá nos dias úteis, das 15h às 16h, quando ver a cidade sai de graça. Avenida Ipiranga, 344, 42º andar, Centro.

2. Pico do Jaraguá

Pico do Jaraguá

A brincadeira é localizar os “postais” famosos de São Paulo, como o Memorial da América Latina, a Paulista e o onipresente prédio dos Correios, no Jaguaré. Chega-se ao ponto mais alto da capital, 1.135 metros acima do nível do mar, após uma escada de 150 degraus. Visitas monitoradas durante a semana, para grupos de ao menos 15 pessoas, devem ser agendadas pelo 3945-4532. Rua Antônio Cardoso Nogueira, 539, Jaraguá.

3. Mirante Núcleo Pedra Grande

Mirante Núcleo Pedra Grande

O Núcleo da Pedra Grande é o mais visitado dos três que formam o Parque Estadual da Cantareira. Das trilhas que partem dele, a que leva seu nome tem como ponto alto o afloramento rochoso de onde se pode ver, nos dias de sol, boa parte da cidade de São Paulo. Rua do Horto, 799, Horto Florestal.

4. Passeio de helicóptero

Passeio de helicóptero

Saindo do Campo de Marte, o passeio sobrevoa Centro Histórico, Pacaembu, Paulista, Jardins, Ibirapuera, Ipiranga e retorna ao aeroporto. Os passeios costumam durar 30 minutos. Andanças Tur.

5. Bar Skye, no hotel Unique

Skye (Hotel Unique)

Panorâmica da região do Itaim e dos Jardins. Ao fundo, brilham as antenas coloridas da Avenida Paulista. Av. Brig. Luís Antônio, 4700, Jd. Paulista.

6. Praça do Pôr do Sol

Praça do Pôr do Sol

Entre as ruas Desembargador Ferreira Franca e a dos Macunis, em Pinheiros, a praça leva o nome do melhor horário para se apreciar a vista. De lá é possível avistar a Cidade Universitária e o Alto de Pinheiros. Principalmente aos finais de semana, a praça recebe visitantes de todas a idades, de famílias a jovens casais.

7. Mirante 9 de Julho

 (Divulgação/Divulgação)

Embaixo de uma escadaria, atrás do Masp, na Paulista, o espaço multicultural tem uma vista ampla para a Avenida 9 de Julho e os prédios antigos do centro de São Paulo. Há eventos o ano todo, que vão de festas a sessões de cinema ao ar livre. Durante o dia, funciona como um espaço de coworking, mas não cobra aluguel e nem pelo uso do wi-fi. Não há um chef de cozinha fixo: a proposta é sempre renovar o cardápio e ter um chef novo de tempos em tempos. Rua Carlos Comenale, s/n.

8. Sky Hall Terrace Bar

 (Divulgação/Divulgação)

No alto de um prédio comercial do bairro Itaim Bibi, o bar com área ao ar livre atrai empregados que trabalham na região para happy hours que se alongam por toda a noite. O chef do Sky Hall é Martin Casilli, ex-participante do programa de TV MasterChef. Av. Juscelino Kubitschek, 1.327.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s