Noruega inaugura o primeiro restaurante embaixo d’água da Europa

O Under possui uma janela panorâmica de 11 metros de largura que permite aos comensais assistir a vida marinha durante a refeição

Por Giovana Christ Atualizado em 17 abr 2019, 18h42 - Publicado em 16 abr 2019, 16h50

Já conseguiu se imaginar comendo em um restaurante a 5 metros de profundidade, dentro do mar? Desde o dia 20 de março isso é possível, no primeiro restaurante submerso da Europa, localizado na Noruega. O Under tem uma estrutura que começa na superfície e vai descendo em andares, para dar aos clientes a sensação de “mergulho”.

Localizado em Baaly, a 5 horas de Oslo (capital da Noruega), o restaurante recebeu o nome por justamente significar “embaixo”, em inglês, e “maravilha”, em norueguês. O prédio foi pensado para se integrar totalmente com seu entorno. Com o tempo se tornará casa para arrecifes de corais e proliferação de vida marinha.

Quem vai até lá come com a vista para uma janela panorâmica de 11 metros de largura e 4 de altura, permitindo a visualização da vida marinha e dos animais que se aproximam por conta da iluminação.

Restaurante Under, Noruega

O lugar consegue receber 100 clientes por vez e na sua inauguração já tinha uma lista de espera de mais de 7 mil pessoas. Uma refeição completa custa NOK 2250 – coroas norueguesas – o equivalente a R$ 1.013. O cardápio é baseado em frutos do mar capturados de um modo sustentável nas redondezas do restaurante.

  • O chef responsável é o dinamarquês Nicolai Ellitsgaar e seus 16 cozinheiros, muitos deles com experiência em restaurantes estrelados pela Michelin. “É só olhar pela janela que vem uma inspiração para uma sobremesa com algas, pois as observamos dançando pela água”, disse o chef em entrevista para a DW Brasil.

    Fachada do restaurante Under, na Noruega
    A entrada do restaurante é única e fica na superfície, fazendo com que o cliente experimente a sensação de mergulho ao chegar até onde a comida é servida Under/Divulgação

    A estrutura projetada pelo escritório de arquitetura norueguês Snøhetta – responsável pelo Memorial de 11 de setembro, em Nova York – também tem o objetivo de se tornar um centro de estudos da vida marinha, com os instrumentos de medição e câmeras colocados no prédio do restaurante.

    As reservas devem ser feitas pelo site.

    Busque hospedagem na Noruega

    Continua após a publicidade
    Publicidade