Havaí – Maui vista de cima

Um olhar aéreo tira ainda mais o fôlego da gente quando se trata de beleza natural havaiana

Por Anna Laura Wolff Atualizado em 3 Oct 2017, 10h34 - Publicado em 15 Jan 2015, 17h58

Nas férias de 2015, fui para o Havaí! É lindo, é demais, é tudo aquilo lá. Mas admito que esperava um pouquinho mais de Oahu, a ilha principal, que, na minha opinião, não chega aos pés de Maui no quesito beleza natural.

E foi lá, naquela mistura de vulcões, mar azul-turquesa, penhascos e praias de areia preta que eu vivi alguns dos minutos mais marcantes da minha vida em um voo de helicóptero. O percurso que eu escolhi foi o de West Maui e Molokai, outra das ilhas havaianas (segundo o piloto da Blue Hawaiian Helicopters, o mais bonito de todos).

Vamos aos cliques?!

Com um início de voo assim, quem precisa de mais? Só que ficou ainda melhor (foto: Anna Laura Wolff)Com um início de passeio assim, quem precisa de algo mais? Só que fica ainda melhor (foto: Anna Laura Wolff)

A chegada em Molokai, ilha cinematográfica com menos de 10 mil habitantes (foto: Anna Laura Wolff)A chegada em Molokai, ilha cinematográfica com menos de 10 mil habitantes (foto: Anna Laura Wolff)

CachoeirasSe você acha que já viu cachoeiras fantásticas, é porque ainda não conhece as de Molokai. Também é surreal ficar observando as fendas do percurso que a lava fazia (foto: Anna Laura Wolff)

As mil e uma cores do mar havaiano (foto: Anna Laura Wolff)As mil e uma cores do mar havaiano (foto: Anna Laura Wolff)

Já de volta a Maui. É surreal ficar observando as fendas do percurso que a lava fazia (foto: Anna Laura Wolff)Já de volta a Maui com um sol amarelo-gema refletindo na parte deserta da ilha (foto: Anna Laura Wolff)

Sobrevoando a costa de Maui. Dá até pra ver o fundo do mar em algumas partes da imagem (foto: Anna Laura Wolff)Sobrevoando a costa de Maui. Dá até pra ver o fundo do mar em algumas partes da imagem (foto: Anna Laura Wolff)

Windmills Bay, em West Maui, já no fim do passeio (foto: Anna Laura Wolff)Windmills Bay, em West Maui, no fim do passeio (foto: Anna Laura Wolff)

Não é tão fácil assim fotografar de dentro de um helicóptero, principalmente quando está ventando (como acontece quase todo dia no Havaí), mas fiquei feliz com o resultado. Outro problema é o reflexo do vidro: dependendo da posição do sol, pode atrapalhar bastante (a foto das cachoeiras de Molokai, por exemplo, saiu com umas faixas brancas na lateral). Mas vale o esforço, não vale?

Siga no Instagram: @anna.laura e @viagemeturismo

Continua após a publicidade
Publicidade