Gôndola, modo de usar

O passeio mais romântico do mundo requer cuidados para não virar uma roubada. A beleza do gondoleiro também pode atrapalhar

Como tudo que é muito famoso, muito turístico e muito clichê, o tradicional passeio de gôndola pelos canais de Veneza tem seus segredos. Mas, para que o programa não converta amor em ódio, é bom ter algumas coisas em mente ao negociar com os moçoilos que oferecem o serviço por toda a cidade:

1. O preço é tabelado: € 80 por 40 minutos e € 120 por uma hora para a gôndola fretada. Você também pode embarcar em grupo de até seis pessoas, mas daí o negócio (o romance, lembra?) meio que perde o sentido, acho.

2. Depois das 19 horas, as tarifas sobem para € 100 e € 150 respectivamente.

3. Não, a tabela não é cumprida religiosamente. Com jeitinho italiano, alguns gondoleiros podem encurtar o passeio. Combine bem tanto o preço quanto o tempo de duração.

4. Se estiver muito calor, vale pagar mais e ir mais tarde. Se estiver muito calor, também se lembre de que aquelas águas correm mais risco de não estar cheirando bem (mas essa parte não sai na foto, por sorte).

5. Fazer o passeio pelo grande Canal é roubada (principalmente para quem costuma enjoar com o balanço do mar). Nos canais pequenos é que reside o verdadeiro charme da coisa – negocie o trajeto antes de embarcar também.

6. Nem todo gondoleiro canta, o que pode ser bom ou ruim, dependendo do ponto de vista do casal. Ou seja, mais um item para checar antes de zarpar.

7. Os rapazes devem ter o cuidado extra de não contratar um gondoleiro de olhos azuis, braços fortes e dentes brancos (eles existem) para não dispersar a atenção da moça. Como desculpa, vale argumentar que os mais velhos têm histórias interessantes para contar, uma vez que a profissão passa de pai para filho.

Adriana Setti* acha que a gondoleiro dado não se olha os dentes

Leia mais:

Check-in ##– Veja outras reportagens da edição de MARÇO de 2013 da VT

Mais Achados ##– Entrei de gaiata na Acrópole

VT Responde: Itália, Dallas e Salvador

Girls just wanna ##– A louca do buquê

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s