Aparecida para todos

Cidade que recebe o papa neste mês é (um pouco) mais que sua basílica

Por Bruno Favoretto (Edição) Atualizado em 16 dez 2016, 07h58 - Publicado em 28 jun 2013, 16h18

Aparecida, a 168 quilômetros da capital, é sinônimo de viagem religiosa. Mais ainda agora, quando a cidade se prepara para receber o papa Francisco como parte das atividades da Jornada Mundial da Juventude. Quem não garantir um dos 32 mil leitos espalhados por 172 hotéis, como o Central (12/3105-2700; diárias desde R$ 150), pode tentar a sorte em Guaratinguetá, a 7 quilômetros. Pode parecer surpreendente, mas há outras coisas para fazer em aparecida além de ouvir missa e conhecer a sala dos ex-votos. Dá para andar de teleférico (12/9777-7760; R$ 10), visitar o aquário (12/3104-1263; desde R$ 2) e conhecer o Relógio das Flores (Praça Victor Coelho de Almeida), com 4 mil flores, que volta à ativa agora em julho.

Leia mais:

Check-in ## – Veja outras reportagens da edição de JULHO de 2013 da VT

Destino: Aparecida ##- Em um final de semana é possível ver a famosa imagem de Nossa Senhora Aparecida, assistir a uma missa e conhecer a histórica Basílica Velha

Continua após a publicidade
Publicidade