A estação francesa de Chamonix é uma das mais roots dos Alpes na Europa

Chamonix é a mais low-profile, mais vertiginoso e mais alpinista das estações nos alpes franceses

Os dez mais incríveis destinos de esqui do mundo

Courchevel

Zermatt

St. Moritz

Innsbruck

Cortina D’Ampezzo

Aspen

Vail

Jackson Hole

Park City

Se Courchevel é a Campos do Jordão fancesa, Chamonix é o Itatiaia: a cidade que nos obriga a fazer biquinho para pronunciar seu nome é, na verdade, um dos destinos mais roots dos Alpes.

Sede das primeiras Olimpíadas de Inverno, a precursora das viagens alpinas começou a atrair exploradores em 1741, hipnotizados pelo glaciar que cobria a base do vale. Logo vieram o interesse pelas escaladas e o fetiche de subir o Mont Blanc (4 810 metros), o teto dos Alpes, alcançado em 1786.

Em 1924, para aproximar a cidade do Mont Blanc, foi criado o teleférico do Aiguille du Midi, substituído em 1955 por uma linha com dois estágios, que conduz os visitantes dos 1 038 metros da vila para obscenos 3 777 metros de altitude.

Um elevador depois, já a 3 800 metros, eu cheguei a uma panorâmica de tirar o fôlego (literalmente), com dezenas de picos perfilados – à direita, o cocuruto branco é o Mont Blanc. Na base do Aiguille, esquiadores caminhavam como formiguinhas pela neve powder do Vale Branco, um famoso fora-de-pista, enquanto eu pisava em ovos no novíssimo skywalk Step Into the Void, uma caixa de vidro sobre 1 000 metros de precipício.

De minha rápida aula numa área beginner da cidade, o máximo que consegui foi um tombo, importante para perceber como os esquis se soltam das botas nas quedas, evitando torsões.

Mas o que eu mais curti foi a caminhada por uma floresta de coníferas com o guia de montanha Stephan. Com uma espécie de chinelo de plástico do tamanho de um pé gigante (snowshoe), nós afundamos a perna em meio metro de neve, circulando entre pegadas de cervos e raposas, num passeio Chamonix style pela vida selvagem.

Revista Viagem e Turismo — agosto de 2014 — edição 226

Leia mais:

Agosto de 2014 — edição 226

De Aspen aos Alpes: veja o perfil completo de 10 resorts de esqui nos EUA e Europa

Courchevel, na França, é um dos resorts de esqui mais luxuosos do planeta

Aspen: dicas para esquiar no destino dos brasileiros

Dicas para esquiar em Zermatt, na Suíça

Jackson Hole: as dificuldades de esquiar na vila dos EUA

Luxo e comodidade de esquiar em Vail, nos Estados Unidos

Park City: os perigos e atrações de esquiar na região

Cortina D´Ampezzo: belas paisagens para esquiar nos Alpes

Innsbruck: a cidade urbana do esqui

St. Moritz: esqui e frio no destino de inverno mais famoso da Suíça

Fotos: as 25 melhores cidades de esqui do mundo

Verão aqui, neve lá: veja onde esquiar no Canadá e EUA

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s