6 lugares para curtir em Belém durante a passagem da tocha olímpica pela cidade (ou sempre)

Visite os babados, os sabores e as tradições de Belém no dia 15 de junho, data da passagem da tocha dos Jogos Olímpicos de 2016 pelo município.

 

1. Mercado Ver-o-Peso

“É um dos maiores da América Latina e tem vários setores. A praça de alimentação é bem popular, boa para comer peixe frito com açaí. Também gosto da parte das ‘erveiras’, que produzem essências e poções naturais.” Avenida Boulevard Castilho França, Cidade Velha

Foto: Flickr/Celso Abreu

Foto: Flickr/Celso Abreu

2. Complexo Feliz Lusitânia

“Ali está uma porção de atrações, como a Catedral da Sé, a Casa das Onze Janelas (um  casarão histórico) e o Forte do Castelo, sobre a Baía do Guajará. Depois, se quiser curtir o pôr do sol, vá tomar um drinque no bar Palafita, que fica em frente à igreja.”

Foto: divulgação

Foto: divulgação

3. Remanso do Bosque

“Restaurante do renomado chef Thiago Castanho, com comida regional com toques modernos. Tem todos os peixes daqui: filhote, pirarucu e tambaqui, sem falar de jambú, tucupi…” Travessa Perebebuí, 2350, Marco

Foto: divulgação

Foto: divulgação

4. Casa Cultural Coisas de Negro

“No bairro de Icoaraci, é um dos únicos locais para ter contato com o carimbó, o samba paraense de raiz. As rodas, com instrumentos tradicionais, rolam nos domingos às 5 da tarde. Difícil não se envolver com o ritmo.”

Foto: divulgação

Foto: divulgação

5. Ilha do Combu

“Os barcos saem da Praça Princesa Isabel, no bairro Condor, e levam a essa ilha com vários restaurantes – indico o Saldosa Maloca. Se der sorte, você verá botos enquanto toma banho de rio.”

Foto: divulgação

Foto: divulgação

6. Quintarrada

“A festa acontece todas as quintas no bar Templários. O realizador Felix Lobatto mistura as guitarras paraenses com outros estilos, como lambada, merengue, cúmbia e carimbó. E sempre tem um convidado especial da cena local, como o Pinduca, o Mestre Viera ou a Dona Onete.” Rua 28 de Setembro, 1155, Reduto

 

Gaby-Amarantos  As indicações são de Gaby Amarantos, cantora de pop e tecnobrega

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.