Ministério da Saúde libera volta de cruzeiros marítimos no Brasil

A portaria estabelece quais medidas deverão ser tomadas caso alguém apresente sintomas ou teste positivo para Covid-19

Por Da Redação Atualizado em 2 mar 2022, 17h30 - Publicado em 2 mar 2022, 13h45

O Ministério da Saúde publicou uma portaria liberando a volta da temporada de cruzeiros no Brasil. Segundo a CLIA Brasil, a retomada acontecerá a partir do dia 5 de março. Quando a circulação dos navios foi suspensa no início do ano, a expectativa era que as atividades fossem retomadas em 21 de janeiro, mas a medida foi prorrogada para 4 de fevereiro, 18 de fevereiro e 4 de março. A temporada está prevista para terminar em meados de abril.

O texto divulgado na sexta-feira (25) alerta que a autorização pode ser revista a qualquer momento dependendo do contexto epidemiológico e estabelece quais são as obrigações das armadoras e dos passageiros em relação à Covid-19. Veja a seguir:

O viajante que apresentar sintomas da doença deve imediatamente comunicar a equipe médica do navio sobre o seu estado clínico, permanecer isolado na cabine até nova orientação e fazer um teste de antígeno ou RT-PCR.

Além disso, também devem ser imediatamente testados todos os contatos próximos a ele, ou seja, que estavam na mesma cabine, que pertenciam ao mesmo grupo de viagem, que tenha tido contato físico direto ou que tenham estado há menos de um metro de distância e sem máscara por um período mínimo de 15 minutos.

Caso o resultado seja negativo, a pessoa deve cumprir quarentena até o fim dos sintomas, enquanto os seus contatos próximos serão liberados para circular livremente pelo navio.

Caso o resultado seja positivo, a pessoa deve ser transferida para cumprir isolamento em uma cabine destinada exclusivamente para essa finalidade. A quarentena deve ser de vinte dias se o infectado apresentar um quadro grave da doença e dez dias se os sintomas forem leves. Nessa segunda hipótese, existe a possibilidade de suspender o isolamento no sétimo dia se a pessoa já estiver sem sintomas e sem ter que usar medicamentos para controlar febre há pelo menos 24 horas. Já os contatos próximos, mesmo tendo testado negativo para a Covid-19, devem ser mantidos em quarentena até o desembarque. 

Vale esclarecer que se o cruzeiro chegar ao fim antes do término do período de quarentena, o paciente deve continuar o seu isolamento em casa, no hospital ou em um hotel preparado para receber hóspedes com Covid-19.

O Ministério da Saúde também aconselha que todos os passageiros cumpram uma quarentena de 14 dias após o desembarque do navio e façam um teste de Covid-19 a partir do quinto dia do fim da viagem. Se alguém desenvolver sintomas suspeitos nesse período, a recomendação é buscar atendimento médico e informar que esteve em um cruzeiro recentemente.

Costa Cruzeiros

A Costa Cruzeiros informou em comunicado que reiniciará suas atividades no dia 14 de março com o roteiro temático “Dançando a Bordo” do navio Costa Diadema. A embarcação fará viagens de 3, 4 e 7 noites com novos itinerários: ela visitará as cidades de Itajaí, Rio de Janeiro, Búzios e Ilhabela em substituição às escalas de Salvador e Ilhéus. O navio fica no Brasil até o dia 18 de abril, quando começa o seu cruzeiro de travessia para a Itália.

Continua após a publicidade

Já o navio Costa Fascinosa não fará mais cruzeiros pela costa brasileira em 2022. Os clientes programados para embarcar no Costa Fascinosa em saídas a partir de 7 de março serão reacomodados automaticamente sem nenhum custo adicional nos cruzeiros do navio Costa Diadema, considerando o embarque em data próxima à viagem original, duração similar e as mesmas categorias e cabines adquiridas.

Levando em conta todas essas alterações, os embarques no Costa Diadema saindo de Santos no dia 7 de março e de Salvador nos dias 10, 17, 24 e 31 de março estão cancelados. O mesmo vale para os embarques em Santos, Rio de Janeiro e Itajaí no navio Costa Fascinosa previstos entre 7 de março e 14 de abril.

MSC Cruzeiros

MSC Cruzeiros anunciou que dará continuidade a partir do dia 5 de março, quando o MSC Seaside partirá de Santos para uma viagem de 7 noites e o MSC Preziosa partirá do Rio de Janeiro para um minicruzeiro de 3 noites. Já o MSC Splendida partirá no dia 6 de março de Santos para um cruzeiro de 7 noites.

Além disso, foram abertas vendas para quatro novos minicruzeiros a bordo do MSC Preziosa, com embarques em Santos. No dia 11 de março, o navio fará uma viagem de 4 noites visitando Ilha Grande e Búzios e nos dias 18, 25 e 31 de março ele fará cruzeiros de 3 noites visitando Ilha Grande.

Leia tudo sobre cruzeiros

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade