Surto de covid atinge dois navios que fazem temporada no Brasil

Somados, mais de 140 passageiros e tripulantes do MSC Splendida e do Costa Diadema testaram positivo; Anvisa não descarta interrupção da temporada

Por Da Redação Atualizado em 2 jan 2022, 09h37 - Publicado em 30 dez 2021, 21h22

Atualização 02/01/2022: a MSC decidiu suspender até segunda ordem as viagens programadas do navio Splendida. A Costa Crociere anunciou que o Costa Diadema não fará os embarques previstos para os dias 3 e 10 de janeiro, em Santos, nem em Salvador nos dias 6 e 13 de janeiro. E no sábado (1), a MSC informou que alguns passageiros a bordo do Preziosa, atracado na Região dos Lagos (RJ), testaram positivo para covid e foram isolados em cabines com varanda.

Dois navios de cruzeiro que fazem temporada no Brasil foram atingidos por surtos de covid e tiveram suas rotas interrompidas nesta quinta-feira (30). O MSC Splendida, que estava em Balneário Camboriú, precisou retornar a Santos, ponto de partida da embarcação, depois que 77 pessoas a bordo testaram positivo. O navio havia zarpado no dia 26 de dezembro e passaria o réveillon em alto-mar. Já o Costa Diadema, que também partiu de Santos, está neste momento em Salvador e foram confirmados até o momento 68 casos a bordo.

O MSC Splendida transportava cerca de 4000 pessoas, entre tripulantes e passageiros, e tinha paradas previstas em Porto Belo, Balneário Camboriú, Cabo Frio e Ilhabela. O retorno a Santos, previsto apenas para o dia 2 de janeiro, precisou ser antecipado. Agentes da Anvisa subiram a bordo em Balneário Camboriú e determinaram a testagem de 100% da tripulação – o que resultou em mais casos positivos além dos relatados.

Segundo a Anvisa, todas as pessoas infectadas e contactantes foram desembarcadas em Santos, transportadas em veículos específicos e passarão a ser monitoradas por um Centro de Informações Estratégicas em Saúde (Ciev).

“Até o momento, não estão autorizados novos desembarques ou embarques e o navio deve permanecer atracado em Santos até a finalização da análise dos dados epidemiológicos pelas autoridades de saúde”, comunicou a Anvisa.

Continua após a publicidade

MSC Splendida
O MSC Splendida estava em Balneário Camboriú e precisou retornar ao porto de Santos por conta dos casos positivos a bordo MSC/Divulgação

Já no Costa Diadema foram detectados entre quarta-feira (29) e quinta-feira (30) um total de 68 casos, sendo 56 em tripulantes e 12 em passageiros. O navio está neste momento atracado em Salvador e nenhum dos 3836 passageiros está autorizado a desembarcar.

As armadoras ainda não se pronunciaram e a Anvisa estuda se a quarentena será o suficiente ou se cancelará em definitivo a temporada deste ano.

A temporada brasileira de cruzeiros passou por longos períodos de indefinição até finalmente ganhar autorização para acontecer. Ao todo, 5 navios estão escalados para fazer os roteiros pela costa brasileira e a primeira viagem aconteceu no último dia 5 de novembro. Os protocolos de biossegurança incluem exigência de vacinação completa de todos os passageiros há pelo menos 14 dias e apresentação de testes (RT-PCR ou antígeno) antes de embarcar. Maiores de 60 anos devem comprovar que tomaram a dose de reforço e crianças de até 12 anos não precisam estar vacinadas. Diariamente, 10% dos passageiros a bordo são testados.

Continua após a publicidade

Publicidade