Continua após publicidade

Inhotim promove seu primeiro festival de música

As apresentações acontecerão durante o dia e o ingresso para visitação dá direito aos shows de Paulinho da Viola, Sambas do Absurdo e mais

Por Da Redação
Atualizado em 9 jul 2024, 14h58 - Publicado em 9 jul 2024, 14h00

O Instituto Inhotim, em Brumadinho, promove de 12 a 14 de julho o primeiro festival de música assinado pela instituição, o Jardim Sonoro. Serão três palcos espalhados pelo parque e oito shows com artistas de 4 continentes.

O evento contará com a presença de músicos como Paulinho da Viola, Sambas do Absurdo com Juçara Marçal, Gui Amabis, Rodrigo Campos e Regis Damasceno, Aguidavi do Jêje, Ballaké Sissoko & Vincent Segal (Mali/França), Joshua Abrams & Natural Information Society (Estados Unidos), Kham Meslien (França), Zoh Amba (Estados Unidos) e Kalaf Epalanga (Angola).

Segundo a diretoria artística do Inhotim, a seleção de artistas está alinhada a escolhas que pautam o programa musical da Orquestra Inhotim e de sua Escola de Música, mas que também repercutem as ações de arte contemporânea do museu.

Paulinho da Viola
Paulinho da Viola se apresenta no sábado (13), às 15h (Leo Aversa/Divulgação)

JARDIM SONORO – FESTIVAL DE MÚSICA INHOTIM

Programação

12 de julho, sexta-feira

Continua após a publicidade

Às 9h30, 10h30, 11h30 e 12h30 – Galeria PraçaVisitas mediadas às obras sônicas do Inhotim – Forty Part Motet, de Janet Cardiff, e Sonic Pavillion, de Doug Atkin

Às 13h, no espaço Igrejinha – Bate-papo com Kalaf Epalanga. Mediação de Ajítenà Marco Scarassatti (120 min)

Às 15h, no palco True Rouge – Zoh Amba (60 min)

13 de julho, sábado

Às 11h, no palco True Rouge – Ballaké Sissoko & Vincent Segal (60 min)

Continua após a publicidade

Às 13h, no palco Tamboril – Joshua Abrams & Natural Information Society (80 min)

Às 15h, no palco Magic Square – Paulinho da Viola (80 min)

Às 16h30, no palco Magic Square – Kalaf Epalanga (80 min)

O angolano Kalaf Epalanga se apresenta no sábado (13), às 16h30
O angolano Kalaf Epalanga se apresenta no sábado (13), às 16h30 (Filipe Ferreira/Divulgação)

14 de julho, domingo 

Às 11h, no palco True Rouge – Kham Meslien (60 min)

Continua após a publicidade

Às 13h, no palco Tamboril – Sambas do Absurdo, com Juçara Marçal, Gui Amabis, Rodrigo Campos e Regis Damasceno (60 min)

Às 15h, no palco Magic Square – Aguidavi do Jêje (60 min)

INSTITUTO INHOTIM

HORÁRIOS DE VISITAÇÃO 

De quarta a sexta-feira, das 9h30 às 16h30. Aos sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 17h30. Nos meses de janeiro e julho, o Inhotim abre também às terças-feiras. Inteira: R$ 50.
Todas as quartas-feiras são gratuitas e também o último domingo do mês; saiba mais sobre outras gratuidades.

LOCALIZAÇÃO

Continua após a publicidade

O Inhotim está localizado no município de Brumadinho, a 60 km de Belo Horizonte (aproximadamente 1h15 de viagem). Acesso pelo km 500 da BR-381 – sentido BH/SP. Também é possível chegar ao Inhotim pela BR-040 (aproximadamente 1h30 de viagem). Acesso pela BR-040 – sentido BH/Rio, na entrada para o Retiro do Chalé.

TRANSPORTE ATÉ INHOTIM

A Belvitur, agência oficial de turismo e eventos do Inhotim, faz venda de ingressos para o museu junto com transporte partindo do hotel Holiday Inn Belo Horizonte Savassi (Rua Professor Moraes, 600, Funcionários). É preciso comparecer 15 minutos antes para o procedimento de embarque e conferência do voucher e a saída acontece às 8h (duração estimada da viagem: 1h30). Horário de retorno: 17h30 (ou 16h30 durante a semana). Contatos: 31 3290-9180; inhotim@belvitur.com.br. Veja mais informações sobre o transfer aqui.

INHOTIM LOJA DESIGN

A loja do Inhotim, localizada na entrada do parque, oferece itens de decoração, utilitários, livros, brinquedos, peças de cerâmica, vasos, plantas e produtos da culinária típica regional. É possível adquirir os produtos também na loja online.

GASTRONOMIA

Continua após a publicidade

O Inhotim oferece aos visitantes diferentes opções para alimentação. No Restaurante Tamboril, o público encontra um ambiente integrado aos jardins e ao acervo de arte contemporânea, com um cardápio a preço fixo, extensa carta de vinhos, além de uma mesa de sobremesas com doces diversos. Já o Restaurante Oiticica, localizado próximo à obra Invenção da cor, penetrável Magic Square #5, De Luxe (1977), de Hélio Oiticica, traz refeições self-service a quilo, com menu que inclui saladas e opções de caçarolas quentes. O Café das Flores, situado próximo à recepção do Inhotim, tem no cardápio pão de queijo, além de opções de lanches, bolos e café. Mais opções de cafés, lanches rápidos, hambúrgueres e sobremesas são servidas nas imediações da Galeria True Rouge pelo OOP Café, na Galeria Miguel Rio Branco pelo Bayo, e na Galeria Galpão com a hamburgueria Hack. Completam as opções de alimentação no Inhotim a Casa de Sucos e a Pizzaria do Teatro.

Veja um guia completo sobre Belo Horizonte

Publicidade