Sem Perrengue Um blog sobre Floripa e São Paulo, cidades em que o editor Fabrício Brasiliense vive o seu home office. Vai ter um pouco de tainha, de pastel de feira e algum outro assunto

Um hotel sem teto, sem paredes, sem banheiro, mas com uma vista…

Por Fabricio Brasiliense Atualizado em 27 fev 2017, 15h06 - Publicado em 15 jul 2016, 17h26

Nunca na história da hotelaria um hotel teve a vista que você vê na foto acima.

Os irmãos Frank e Patrik Riklin batizaram a sua investida hoteleira de Null Stern Hotel, o que traduzindo do alemão significa Hotel Zero Estrela. Nada de paredes, teto, banheiro, apenas uma cama confortável, um edredon e dois abajures. A localidade escolhida foi uma região rural da Suíça chamada Safiental, a 170 km de Lucerna.

Ao acordar, um mordomo vem até o seu “quarto” com o café e uma cesta de pães.

E a pergunta que todos devem estar se fazendo: e na hora de ir ao banheiro?

“Se a natureza chamar, faça uso da natureza a seu redor”, dizem os irmãos. Para os que não conseguirem corresponder aos apelos, há um banheiro a 10 minutos de distância.

A diária custa o equivalente a R$ 830 e as reservas devem ser feitas diretamente com o escritório de turismo de Safiental pelo telefone +41 81 630 60 16 ou pelo info@safiental.ch. Caso o tempo vire, a reserva poderá ser cancelada.

Essa foi a segunda investida dos irmãos Riklun, que em 2010 criaram um quarto dentro de um bunker construído durante a Segunda Guerra na cidade suíça de Teufen.

NullSternHotel2

Sentado na cama, o prefeito de Safiental, Thomas Buchli, ao lado da mulher Tanja e do agricultor Marco Waldburger, que dubla de mordomo durante o pernoite em suas terras (Foto: Reprodução)

Continua após a publicidade
Publicidade