Lisboa: entre as cidades mais caras do mundo

A capital portuguesa acaba de subir 44 posições em um ranking internacional sobre custo de vida

Vista de Lisboa com o Tejo e a Ponte 25 de Abril ao fundo: cada vez mais cara Vista de Lisboa com o Tejo e a Ponte 25 de Abril ao fundo: cada vez mais cara

Vista de Lisboa com o Tejo e a Ponte 25 de Abril ao fundo: cada vez mais cara (Bruno Barata/Reprodução)

A consultora Mercer acaba de divulgar os resultados da 24ª edição da sua pesquisa anual Cost of Living, um ranking sobre custos de vida no mundo todo e – surpresa! – Lisboa teve um resultado surpreendente (para pior, infelizmente): galopou 44 posições no ranking em relação aos números do ano passado, passando do 137º para o 93º lugar.

O estudo leva em conta, sobretudo, as áreas que dizem respeito ao expatriado (foco principal da pesquisa). Entram na avaliação os preços de moradia, transporte, alimentação, entretenimento, vestuário e bens de consumo doméstico. Trata-se da maior variação de sempre já experimentada pela capital portuguesa.

Veja também

Segundo a Mercer, o resultado é bastante influenciado pela alta do euro em relação ao dólar, mas também é um claro reflexo da subida generalizada de preços em Lisboa. Segundo os dados, o aluguel de um apartamento de 3 quartos no centro de Lisboa custa em média € 2.650 – mas vira e mexe vejo apartamentos de dois quartos neste patamar. E já vi três quartos no Bairro Alto beirarem os € 5.000, algo absolutamente inimaginável poucos anos atrás.

A pesquisa é, na realidade, a oficialização de algo que já se fala há um bom tempo por aqui, e que inclusive já foi tema deste blog: foi-se o tempo em que Lisboa podia ser considerada uma cidade barata. Quantas vezes num passado não muito distante eu já escrevi que Portugal era a Europa em promoção? Não mais. A realidade hoje é bem diferente de dez anos atrás – e o difícil, para os portugueses ou para quem mora aqui, é que os salários não acompanharam a escalada de preços; pelo contrário, ficaram congelados ou até diminuíram. É, a conta não fecha.

Veja também

Zurique, na Suíça, continua sendo a cidade europeia mais cara, de acordo com o ranking. Ocupa o terceiro lugar, atrás de Hong Kong e Tóquio. Entre os top 10 constam ainda Singapura, Seul (Coréia do Sul), Luanda (Angola), Xangai (China), Ndjamena (Chade), Pequim (China) e Berna (Suíça).

Reserve a sua hospedagem em Lisboa

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s