Demônio da Garoa Por Blog Meeeeu, cê vai ver que aqui tem de tudo um muito sobre esse mundo chamado São Paulo: restaurantes, botecos, baladas, eventos, praias, esportes… Vale tudo, menos catchup na pizza!

Jantar com exposição no Hilton: turismo (romântico) na sua cidade

Por Bruno Favoretto Atualizado em 27 fev 2017, 14h36 - Publicado em 5 dez 2016, 19h24

Às vezes a fissura por uma viagem pode ser dissipada na sua cidade. Aquele ponto turístico que você menospreza, que você só visita quando vem aquele seu primo de Caçapava, talvez não seja a resposta.

Mas há outras, dos consagrados pontos turísticos (nunca subi a mirantes como o Edifício Martinelli nem fui ao Pico do Jaraguá, vergonha total) a, sim, hotéis, com seus bares, restaurantes, spas.

O cheirinho do hotel já pode provocar um bem-estar psicológico, que seja inconsciente, não tem problema.

Isso me leva a uma frase do Rodrigo Oliveira, chef do mais que consagrado Mocotó, que é um devoto do Parque da Cantareira, floresta urbana magnífica cantada pelos Demônios da Garoa, que, segundo ele afirmou à VIAGEM E TURISMO, é ignorada pelo paulistano, algo que concordo, total. Dá vários gringos, mas o povo daqui ignora.

Enfim, de volta aos hotéis, veja você o que rola no Canvas, bar-restaurante do Hilton Morumbi, que na verdade fica no Brooklin.

O visível do invisível, uma palhinha / Divulgação

O Visível do Invisível, uma palhinha / Divulgação

Tem um esquema legal para quem não viajar. Dá pra sentir a atmosfera de um hotel em um almoço ou jantar romântico combinado com uma exposição.

Continua após a publicidade

Na verdade são 2 mostras em uma, que dialogam: O Visível do Invisível, da fotógrafa Flávia Lobo, e Fluxo-Sonoridades, duo entre o fotógrafo Ângelo Dimitre e a artista Fernanda Nardy Bellicieri.

Ainda não a visitei, mas tive experiência parecida numa exposição anterior, com paisagens, natureza-morta e grafismos surrealistas mucho locos em óleo sobre 27 telas do paulista Marrey Luiz Peres (1926-1993).

Tournedos de salmão, purê de mandioquinha, pesto de jambu / Divulgação

Tournedos de salmão, purê de mandioquinha, pesto de jambu / Divulgação

Assim como na mostra do Marrey, enquanto a gente curte as pinturas, aprecia um menu de três etapas (R$ 99) inspirado nas obras, ideia do chef Rodrigo Mezadri.

De entrada, salada líquida de baby romana, caju confitado, queijo feta marinado e chips de curry vermelho.

De prato principal, a opção é tournedos de salmão grelhado, purê de mandioquinha, pesto de jambu e castanha do Pará e coulis de tomate e laranja.

Na sobremesa, o chef Mezadri sugere creme queimado de baba de moça, esponja de pistache, geleia de maracujá com raspa de chocolate de cupuaçu.

Mostra das séries O Visível do Invisível e Fluxo-Sonoridades
Canvas Bar & Restaurante – galeria suspensa
Hilton São Paulo Morumbi
Até 08/01/2017
Valores do menu: R$99,00 por pessoa ou R$197,00 com harmonização.
Segunda à sexta, das 12h às 0h
Sábado e domingo, das 18h às 0h
Avenida das Nações Unidas, 12901, Torre Leste – Brooklin
Estacionamento no local – convênio com o restaurante
Reservas e informações pelo tel.: (+55) 11 2845-0000

Continua após a publicidade
Publicidade