Achados Adriana Setti escolheu uma ilha no Mediterrâneo como porto seguro, simplificou sua vida para ficar mais “portátil” e está sempre pronta para passar vários meses viajando. Aqui, ela relata suas descobertas e roubadas

Quando alguém disser que Adelaide é a irmã chata de Melbourne, não dê ouvidos

Por Adriana Setti Atualizado em 27 fev 2017, 15h30 - Publicado em 9 jan 2015, 14h21

Se tivesse entrado na onda dos meus amigos australianos, provavelmente não teria ido a Adelaide. É que a cidade tem fama de ser a irmã chatinha e careta de Sydney e Melbourne – e é vitima do “não fui e não gostei” dos moradores dessas duas metrópoles. Minha sorte foi ter lido uma reportagem do New York Times sobre essa pequena notável escondida do Sul da Austrália muitos anos atrás. Na época, a incluí definitivamente nos meus planos e, uma vez aqui, mantive a minha aposta. Bingo!

Você deve ter ouvido falar de Adelaide nesses últimos dias, por causa do incêndio florestal gigantesco que está rolando nos arredores da cidade. Posso tentar convencê-lo a ir pra lá? A cidade está cercada pelos vinhedos que produzem metade do vinho australiano. Além disso, é uma espécie de “grande pomar australiano”, roeada de fazendas orgânicas – eles vivem uma febre de orgânicos, crus, quinuas, gluten-free e afins.

Não é à toa, por exemplo, que Adelaide tem o melhor mercadão público da Austrália. À diferença dos mercados europeus (a gloriosa Boqueria de Barcelona, por exemplo), o de Adelaide reflete a miscelânea cultural fortíssima que compõe a Austrália. O Adelaide Central Market não só é uma vitrine dos melhores produtos locais, como tem uma ala gigantesca puramente asiática. Consegui tomar a melhor sopa fria de noodles (um prato típico da Coreia do Norte difícil de encontrar até nas grandes metrópoles asiáticas) por lá. Não é lindo?

Dei muita sorte, além de tudo. Depois de vários dias de tempo meia boca pelo caminho, Adelaide me recebeu com três maravilhosos dias de sol. A acomodação que tinha reservado pelo AirBnb – uma “ala” dentro de um chalé histórico do século 19 – era ainda mais incrível do que parecia (e a dona, um encanto).

Como se não bastasse, topei com uma baladinha cool no último em plena Victoria Square, a “Praça da Sé” local. Era o Fork On The Road, um evento itinerante que reúne foodtrucks INCRÍVEIS, além de Djs. Fim de tarde de sexta-feira, 40 foodtrucks vendendo comidas de tirar o chapéu, um bar servindo ótimo vinho local. E o povo lá sentado na grama, a criançada correndo, aquele climão margarina style que impera na Austrália… Obrigada, Adelaide!

Climão progaganda de margarina na Victoria Square, a Praça da Sé de Adelaide

Climão progaganda de margarina na Victoria Square, a Praça da Sé de Adelaide

Irmã chatinha de Melbourne? Nada disso...

Irmã chatinha de Melbourne? Nada disso…

Meu eleito no Fork on The Road - cozinha fusion latina

Meu eleito no Fork on The Road – cozinha fusion latina

Um dos foodtrucks do Fork on the Road

Um dos foodtrucks do Fork on the Road

Fork on the Road bombando

Fork on the Road bombando

Os docinhos mais incríveis do Fork on the Road estavam neste foodtruck de menina

Os docinhos mais incríveis do Fork on the Road estavam neste foodtruck de menina

Continua após a publicidade

O jeitão do centro de Adelaide

O jeitão do centro de Adelaide

Saindo do escritório no centro de Adelaide de salto na mão é pé no chão

Saindo do escritório no centro de Adelaide de salto na mão é pé no chão

Dentro do mercadão

Dentro do mercadão

Cogumelos incríveis no mercadão

Cogumelos incríveis no mercadão

Queijos alucinantes

Queijos alucinantes

Orgulho nacional

Orgulho nacional

Minha sopa fria de noodles coreano no mercadão

Minha sopa fria de noodles coreano no mercadão

Estufa lindona no Jardim Botânico

Estufa lindona no Jardim Botânico

Salinha do chalé histórico que aluguei pelo AirBnb

Salinha do chalé histórico que aluguei pelo AirBnb

Ah, e só pra constar: Adelaide tem até praia! Esta aqui chama Semaphore

Ah, e só pra constar: Adelaide tem até praia! Esta aqui chama Semaphore

Siga @drisetti no Twitter e no Instagram

Continua após a publicidade

Publicidade