O mapa da Carrer del Parlament, a rua mais cool de Barcelona

A rua mais cool da cidade no momento tem um agitinho low profile, sob medida para quem já passou dos 30

Barcelona não tem a rapidez de São Paulo ou Nova York. Mas, devagar e sempre, o cool também se desloca por aqui. Nos últimos anos, grande parte dos endereços fervidos da cidade brotaram no eixo Poble Sec – Sant Antoni – Paral-lel. Um dos motivos é o excesso de turistas em lugares como o Born, que acaba empurrando os locais para outras bandas – com todo respeito pelos que vêm de fora. Mas o fenômeno também tem a ver com a colossal reforma do Mercat Sant Antoni, em andamento, que transformará o bairro homônimo num dos lugares mais incríveis da cidade. Além disso, a região é a queridinha dos irmãos Adrià que abriram todos os seus últimos restaurantes (41o Experience, Tickets, Pakta, Bodega 1900 ) nas redondezas.

Captura de Tela 2014-08-13 às 19.33.20

Urbanismo de botequim à parte, desse fenômeno nasceu a Carrer del Parlament, a rua mais cool da cidade no momento, que tem um agitinho low profile, sob medida para quem já passou dos 30 –  ganha vida na hora do brunch e no aperitivo do fim da tarde e morre lá pela meia-noite. Abaixo, a lista dos lugares que justificam o hype:

Zuckerhaus, no 17

É daqueles lugares que provocam um “oimmm, que fofo!”. Ocupa o lugar de um cabeleireiro antigo vintage (o letreiro peluqueria na fachada segue firme e forte) e tem jeito de casinha de menina. A “casa de açúcar”, tradução do nome em alemão, vende doces, bolinhos, tortas e outras coisinhas gostosas e artesanais. A proprietária alemã, Manuela, é quem põe a mão na massa e atende os clientes. A decoração tem chaleiras, rendinhas, flores, porta-retratos, bichinhos…

Taranaà Bar & Café, esquina Viladomat

Vizinho ao Zuckerhaus, chama atenção por suas grandes portas decoradas com vasinhos, jeitão minimalista escandinavo e bancos quase na calçada. Por dentro, tem paredes de tijolos à vista e de azulejos, e mesonas rústicas de madeira. Serve café da manhã, brunch, comidas leves e tapas para acompanhar o vermouth.

Café Cometa por dentroCafé Cometa por dentro

Café Cometa, no 20

Tem a parede forrada de quadros, luminárias que pendem do teto, um banquinho disputado no vão da porta, e mesinhas na calçada que lembram as carteiras dos colégios antigos. Tudo é muito delicado e com o arzinho retrô que impera na Parlament. Serve café da manhã, vermouth (uma paixão catalã), gin-tonics (uma obsessão em Barcelona), saladas, sanduíches, sucos, doces… Fecha cedo: 22h de domingo a quarta e um pouquinho mais tarde de quinta a sábado.

Terracinho delícia do Bar CaldersTerracinho delícia do Bar Calders

Bar Calders, no 25

É um dos meus lugares favoritos na cidade. A parte interna é minúscula e charmosa, com pé direito altíssimo, janelões e piso de mosaico modernista. Mas o tchans do lugar é o terraço, num vão entre dois prédios, recuado da calçada – ajoelhe no milho para conseguir uma mesa nas horas de pico. Serve comidinhas caprichadas (o forte são as receitas mexicanas) e tem gin-tonics a ótimo preço e uma seleção de cervejas artesanais (raridade em Barcelona). Algumas noites são animadas com música ao vivo. Uma delícia.

Escalera de Incendios, no 26

Se autodefine como “laboratório cultural”. É um mix de galeria de arte, estúdio e espaço de coworking suUuUuUper moderno. Barcelona em estado puro.

Bodega Vinito, à moda antigaBodega Vinito, à moda antiga

Bodega Vinito, no 17

Uma bodega à moda antiga (antiga mesmo, não vintage), em plena hipsterland. É o bar mais despretensioso da rua, e também um dos mais animados. Entre paredes forradas de garrafas e barris, serve vinhos a ótimos preços (inclusive a granel, por € 2 por taça), na companhia de queijos, embutidos, croquetes e muitas outras tapas deliciosas e baratas. É minúsculo e tem poucas mesas altas – se você não gosta de petiscar em pé, abstenha-se.

Federal Café: dói de tão coolFederal Café: dói de tão cool

Federal Café, no 39

A dupla de australianos que inventou e expandiu o império Papabubble (que por sinal nasceu em Barcelona) resolveu abrir este bar depois de cansar de procurar um bom lugar para tomar um sólido café da manhã na cidade – o povo aqui costuma se contentar com um café e um croissant ou algo do gêneo. Não à toa, é um dos lugares mais disputados para o desjejum e para o brunch. Lindo de morrer, com mesas de madeira e bancos “pé na calçada”, é um dos principais pilares do hype da Parlament.

Tapas e vinho no Els SortidorsTapas e vinho no Els Sortidors

Bodega Els Sortidors del Parlament, no 51

O espaço é enorme, despretensioso e funciona como uma mistura de bar e empório. Repartido em vários ambientes, tem barris de vinho fazendo as vezes de mesa e serve tapas e pratinhos. Tem uma boa variedade de vinho a ótimo preço, além de cerveja artesanal. A-do-rá-vel.

Siga @drisetti no Twitter e no Instagram

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.