Achados Adriana Setti escolheu uma ilha no Mediterrâneo como porto seguro, simplificou sua vida para ficar mais “portátil” e está sempre pronta para passar vários meses viajando. Aqui, ela relata suas descobertas e roubadas

Bafão nas alturas: os passageiros sem máscara que causam em aviões

Desde que o uso de máscaras se tornou obrigatório em aviões, as notícias sobre conflitos envolvendo essa questão viralizam quase diariamente

Por Adriana Setti Atualizado em 8 dez 2020, 19h41 - Publicado em 8 dez 2020, 13h22

Plataformas de notícias do mundo todo estão em vias de criar uma nova seção: “bafão nas alturas”. Deveria ser simples, mas não está sendo. Desde que o uso de máscaras se tornou obrigatório em aviões no mundo inteiro, para evitar o contágio por coronavírus, as notícias sobre conflitos envolvendo essa questão viralizam quase diariamente. Os episódios têm direito a socos, lágrimas, aplausos e até – pânico – ataque de tosse em cima dos passageiros, a versão pandêmica do atentado terrorista. Onde vivem esses rebeldes-sem-máscara? Do que se alimentam? Como se reproduzem? Depois da chegada da vacina, responder essas questões é o novo desafio da ciência.

Grande parte dos vídeos virais vem dos Estados Unidos que, não à toa, é o país no topo do ranking de mortes e contágios por covid-19, pilotado por um negacionista cor de laranja. Até o momento, só as companhia aéreas Delta, United e Alaska já baniram 900 pessoas que se recusaram a usar máscaras em seus voos.

Mas, obviamente, os bafos nas alturas não são monopólio norte-americano. A seguir, uma coletânea dos TOP 5 bafões aéreos protagonizados por rebeldes-sem-máscara mundo afora:

1. Mulher sai tossindo em cima dos passageiros e grita: “todo mundo vai morrer!”

2020 ainda não acabou, mas vai ser difícil superar o bafão que rolou no dia 18 de outubro em um avião da EasyJet, que ia de Belfast, capital da Irlanda do Norte, para Edimburgo, na Escócia. Convidada a se retirar do avião por se recusar a usar a máscara, uma mulher teve um dia de fúria e apelou para um argumento que, talvez, tenha aprendido com o nosso presidente: “Todo mundo vai morrer, porra! Vocês sabem que todo mundo vai morrer, seja de coronavírus ou não!!!”. Ato seguido, pegou os seus pertences e saiu tossindo em cima dos passageiros até chegar à porta do avião, onde era esperada pela polícia. Esta reportagem do jornal britânico The Sun tem o vídeo do espetáculo tragicômico:

2. Dupla de bêbados causa briga entre marmanjos a caminho de Ibiza

Não é incomum que voos do Reino Unido para Ibiza sejam mais animados do que o normal durante o verão. Uma vez a caminho da “ilha do diabo”, certos jovens britânicos têm como tradição aproveitar a viagem para fazer um “esquenta”, que costuma acabar mais caliente do que deveria. Foi mais ou menos o que rolou no dia 31 de julho, com dois cidadãos britânicos que subiram a um avião da KLM que ia de Amsterdã para a famosa ilha espanhola. Diante da impossibilidade de beber vodka e usar máscara ao mesmo tempo, eles acabaram se envolvendo em uma briga com dezenas de passageiros. Os dois foram presos ao pousar em Ibiza. Quase tão chocante quanto a briga é a quantidade de gente que aparece no vídeo gritando e distribuindo bofetadas com o nariz pra fora da máscara. As imagens deprimentes estão no vídeo abaixo:

Continua após a publicidade

3. Máscara no queixo e tapa na cara da comissária de bordo

Uma das pessoas da lista dos banidos das empresas aéreas americanas certamente é a mulher que protagonizou um bafo em um avião que ia de Atlanta a Miami, no dia 20 de outubro. Ao ser repreendida por estar com a máscara no queixo, ela estapeou a comissária de bordo que, heroicamente, não revidou. Testemunha desse episódio lamentável, a jornalista da BBC Suzanne Kianpour postou este vídeo no Twitter.

4. Tchau, Karen: uma salva de palmas para a falta de noção

Recém chegada à lista das personas non gratas das companhias aéreas dos Estados Unidos, Karen se levantou de mau-humor na quinta-feira passada, vestiu a sua blusa rosa-choque e embarcou em um avião da Frontier Airlines rumo a Tampa, na Flórida. Depois de fingir de morta diante de uma comissária de bordo que insistia pelo uso da máscara, a cidadã foi escoltada porta afora pela polícia, sob uma chuva de aplausos. “Bye, Karen!”, disse um dos passageiros para coroar o momento, que culminou em uma boa gargalhada coletiva.

Este post do Now This tem o vídeo de mais esse papelão:

  • 5. Avião faz pouso forçado por passageiro sem máscara

    O vídeo abaixo mostra uma conversa que, na nossa maneira latina de ser, jamais pareceria uma discussão acalorada. Mas era. No dia 7 de setembro, esse sujeito com pinta de bom moço obrigou um avião da Peach Airlines, que ia de Kushiro para Osaka, a fazer um pouso emergencial em Nigata. Por se negar a colocar a maldita máscara, ele atrasou a vida de 124 passageiros. Justo no Japão, a terra da educação e da delicadeza, onde as pessoas já estavam acostumadas a usar máscaras em lugares públicos antes da pandemia.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade