Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (Petar)

Avaliação do Guia Quatro Rodas starsstarsstarsstarsstarsNão deixe de ir

Endereço: - Traçar rota

Telefone: (15) 3552-1875

Site: http://www.ambiente.sp.gov.br

Horário de funcionamento

De terça a domingo, das 8h às 17h.

Após um período em que diversas atrações ficaram fechadas, o Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (Petar) retoma aos poucos o seu lugar de destaque no turismo paulista. Desde 2008, regras foram criadas para minimizar o impacto causado pelos visitantes.

Dentro do parque existem mais de 250 cavernas catalogadas, o maior número em uma única área na América Latina, além de vales, montanhas, rios e cachoeiras.

O parque é dividido em quatro núcleos: Santana, Ouro Grosso e Casa de Pedra, em Iporanga, e Caboclos, em Apiaí. Até agosto de 2013, doze cavernas estavam abertas para visitação.

No Núcleo Casa de Pedra funciona apenas a trilha até a entrada da gruta, que tem um portal de 250 m de altura (um dos maiores do mundo). Todas as visitas são realizadas com a presença de um monitor.

Acesso

O Núcleo Santana fica na estrada de terra que liga Iporanga a Apiaí (a 17 km de Iporanga). A via é sinuosa, estreita e quando chove há risco de quedas de barreiras. Na mesma estrada, próximo à entrada do bairro da Serra, está o Núcleo Ouro Grosso. Para visitar o Núcleo Caboclos, siga até a cidade de Apiaí; de lá são 28 km pela SP-250, sentido Capão Bonito. No km 294, entre à direita e siga por mais 16 km na via de terra e cheia de curvas, até a portaria.

Melhor época

Abril a novembro, quando as chuvas diminuem.

Entrada

O ingresso para entrar em qualquer núcleo custa R$ 9. Em todos os locais, a visitação só é permitida em grupos de até oito pessoas, acompanhados por monitores locais credenciados que ficam nas próprias sedes dos núcleos.

As cavernas têm um limite de visitantes por dia e o acesso ocorre com intervalos de 30 minutos entre um grupo e outro – por isso, em fins de semana e feriados é recomendável agendar o passeio.

As pousadas de Iporanga fecham pacotes que incluem guias e na cidade há agências de turismo: Cave Atlântica (3556-1160), Ecocave (3556-1574) e Parque Aventuras (3556-1485). Quem pretende visitar o Núcleo Caboclos pode também contratar um guia diretamente no Centro de Informações Turísticas de Apiaí (3552-1717).

O preço varia de acordo com os passeios e os equipamentos fornecidos – em geral, a diária custa em torno de R$ 40 por pessoa. É obrigatório o uso de capacetes e lanternas, calçado fechado antiderrapante, calça comprida e camiseta com mangas que protejam os ombros.

Informações

local_parking
Estacionamento Sem estacionamento
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.