Caravaggio fica no Masp até 30 de setembro

<em>Caravaggio e seus seguidores</em> expõe seis pinturas do mestre e 14 de seus seguidores em São Paulo

O pintor italiano Michelangelo Merisi da Caravaggio (1571-1610) terá seis telas em óleo expostas no Masp (Museu de Arte de São Paulo) entre 26 de julho e 30 de setembro, em São Paulo. As obras, com o notório jogo de luz e sombra que intensificam a dramaticidade das cenas retratadas, serão acompanhadas de 14 pinturas dos seguidores mais importantes de Caravaggio.

A mostra Caravaggio e seus seguidores irá a São Paulo depois de passar pela Casa Fiat de Cultura, em cartaz até 15 de julho em Belo Horizonte. Parte da programação do Momento Itália-Brasil 2011-2012, a exposição agrega obras da Itália, de Malta e da Inglaterra, e algumas vêm dos prestigiados museus Galleria Borghese (Roma), Palazzo Barberini (Roma) e Galleria degli Uffizi (Florença).

As seis telas do mestre se dividem em três blocos: trabalhos consagrados, obras recém-descobertas – fruto de pesquisas concluídas recentemente, como a de que a Medusa Murtola é legítima do pintor – e quadros ainda em estudo para se determinar a autoria de Caravaggio, como San Gennaro decollato o Sant’Agapito. Nas imagens dos três blocos, o público pode identificar características fundamentais das composições do pintor: temas reais, figuras naturais e semelhantes ao espectador, cenas em primeiro plano para provocar envolvimento emocional, fundo neutro ou escuro para estimular a concentração no tema representado, foco enfatizado por um feixe direto de luz e dialética entre claro e escuro.

Além das obras de Caravaggio, fazem parte da exibição pinturas dos chamados caravaggescos, seus seguidores, da segunda metade do século 16 e início do século 17. Entre os nomes estão Giovanni Baglione (1566-1643), um dos mais importantes, com quem o Caravaggio teve diversas brigas; Orazio Gentileschi (1563-1639), amigo do pintor que criou uma luz diferente, mas que também vem do exterior; e Leonello Spada (1576-1622), que se inspirou em Caravaggio para organizar nas obras uma luz que vem do interior.

Caravaggio e seus seguidores

Quando: 26 julho a 30 de setembro, de terças-feiras a domingos e feriados, das 10h às 18h. Às quintas-feiras, das 10h às 20h. A bilheteria fecha meia hora antes

Onde: (Museu de Arte de São Paulo) – Av. Paulista, 1578 (Cerqueira César), São Paulo/SP

Quanto: R$ 7 (meia) e R$ 15 (inteira). Entrada grátis às terças-feiras e para pessoas com até 10 anos ou acima de 60

Mais informações: (11) 3251-5644, www.masp.art.br

LEIA MAIS:

A denúncia da guerra, por Lasar Segall, é tema de exposição em SP – até 12 de agosto

Exposição no Rio tem fotos inéditas do fundo do mar – até 1º de julho

MAM-BA realiza exposição de Dias e Riedweg em Salvador – até 22 de julho

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s