Conheça o melhor do litoral catarinense em um roteiro por terra

A diversão está garantida de Joinville a Imbituba, seja no Beto Carrero World, nas lindas praias ou nos espontâneos shows das baleias-francas

Por Da Redação Atualizado em 19 jul 2021, 12h09 - Publicado em 14 mar 2017, 08h46

Atualizado em fevereiro de 2019

Baías tranquilas ou balneários badalados, as praias de Santa Catarina são as mais belas do sul do país! Veja as dicas de um roteiro por 25 dias viajando pelas estradas e praias do litoral catarinense.

A) Joinville (2 dias)

Joinville - SC
Entrada da cidade, com claras influências alemãs Santur/Reprodução

A tradição alemã da cidade-sede de um dos maiores festivais de dança do mundo pode ser desfrutada em quatro roteiros rurais repletos de cachoeiras e fartas mesas de café colonial. Estes roteiros podem ser feitos de carro ou bicicletas e passam por lindas paisagens.

A cidade também conta com o Museu da Bicicleta, com mais de cem modelos de diversos países e épocas, e o Museu Arqueológico de Sambaqui, que mostra modo de vida dos grupos que habitaram o litoral brasileiro há mais de 2 mil anos.

Por ali também localiza-se a única unidade do teatro Bolshoi fora da Rússia, onde é possível fazer um tour guiado e conhecer os bastidores da renomada escola de dança.

 

B) São Francisco do Sul (2 dias)

SÃO FRANCISCO DO SUL - SC
Pôr do sol na Baía da Babitonga Divulgação/Divulgação

É de 1504 a vila que guarda um dos últimos conjuntos de arquitetura colonial de origem açoriana do país. A cidade mais antiga do estado convida a um passeio de barco entre as 14 ilhas da baía da Babitonga. Só não deixe de ancorar para conhecer o acervo com mais de 80 barcos do Museu Nacional do Mar.

 

C) Penha (3 dias)

imagem 1
Praia Vermelha, em Penha: protegida pela mata e selvagem em sua maior parte Santur/Divulgação

Não, o Beto Carrero World  não é a única atração da cidade. Depois de se cansar da montanha-russa, dos brinquedos ou dos espetáculos do maior parque temático da América Latina, prove a boa cozinha açoriana local, especialmente no restaurante Pirão D’água, e estique as pernas em praias semidesertas, como a Vermelha e a do Lucas.

Aproveite quando estiver na Praia Vermelha para ir ao seu mirante. Com um belo visual do litoral catarinense, dá para avistar Bombinhas, Itapema, Porto Belo e a Reserva do Arvoredo.

 

D) Balneário Camboriú (3 dias)

Teleférico Unipraias - SC
Teleférico Unipraias – SC Elaine Skowronski/Reprodução

Do alto do teleférico do Parque Unipraias dá para entender por que estamos em um dos destinos mais amados de Santa Catarina. A beleza de seu litoral (que agrada de naturistas a surfistas, de casais a famílias) contrasta com a estrutura completa de cidade grande. Ela abriga prédios altíssimos, comércio desenvolvido, um calçadão movimentado e uma das vidas noturnas mais fervidas do país – além dos muitos restaurantes, conta com diversas opções de baladas, bares e casas noturnas.

Quem procura belas praias e agito, vá às praias do Estaleirinho e das Laranjeiras. Para mais sossego, aposte na praia das Taquarinhas. Já para os mais corajosos, a Praia do Pinho é a primeira praia oficial de naturismo do Brasil. Lá, a nudez é obrigatória.

 

E) Porto Belo (1 dia)

Ilha de Porto Belo, Santa Catarina
Ilha de Porto Belo, Santa Catarina Secretaria de Turismo de Porto Belo/Divulgação

Vale a parada. Não há nada como embarcar rumo à ilha que dá nome à cidade e passar horas fazendo snorkeling em suas águas transparentes. A ilha de Porto Belo é passeio de um dia inteiro. Além de um interessante museu que conta a história do local, você pode fazer uma trilha ecológica que passa por um mirante e escolher entre três praias: a do Trapiche, ponto de chegada e partida, a Central, mais agitada e com melhor estrutura, e a Prainha, boa para grupos.

 

F) Bombinhas (3 dias)

Piscinas naturais na Praia da Sepultura em Bombinhas (SC)
Piscinas naturais na Praia da Sepultura em Bombinhas Elaine Skowronski/Dedoc Abril

Ah, o mar de Bombinhas… É ele que todos querem: crianças brincam nas águas mansas, surfistas rasgam ondas perfeitas e mergulhadores se extasiam nas profundezas exuberantes da Ilha do Arvoredo, um dos melhores pontos de mergulho do país.

Quem gosta de águas mais agitadas, deve conhecer as praias de Mariscal e das Quatro Ilhas. Já os amantes de mar calmo vão gostar da praia do Trapiche, da Tainha, do Cardoso, da Sepultura  e Ponta Grande – nas três últimas, o acesso é feito por caminhada.

Busque mirantes como o Eco 360° para apreciar, das alturas, a imensidão azul.

 

G) Florianópolis (5 dias)

Florianópolis - Santa Catarina
A Ilha do Campeche é um melhores passeios de Florianópolis Otávio Nogueira/Flickr

Daria para passar a vida toda nesta capital com quase 30 praias em uma única ilha, e onde não falta qualidade de vida. Com pouco tempo, invista na que tem o seu perfil. Ao sul estão os paraísos de pescadores e aventureiros. Famílias encontram mais os serviços urbanos nas praias do Norte. Perto da Lagoa da Conceição, um dos pontos da badalação, jovens esbanjam saúde na Joaquina e na Mole.

Um dos passeios mais interessantes para fazer em Floripa é uma ida para a ilha do Campeche. Com acesso por barco, o local reserva uma das paisagens mais bonitas da capital: mar transparente, areia branquinha e morros cobertos por Mata Atlântica.

Continua após a publicidade

Para quem quiser dar uma pausa nas praias, pode conhecer o Centro Histórico e as vilas açorianas de Ribeirão da Ilha, fazer compras na Casa da Alfândega e no Mercado Público e visitar o divertido Museu Mundo Ovo de Eli Heil.

 

H) Guarda do Embaú (1 dia)

Praia Guarda do Embaú, Palhoça (SC)
Para chegar à Praia da Guarda do Embaú, é preciso cruzar o Rio da Madre, que corre paralelo a costa até se jogar no mar. Ricardo Freire/Reprodução

Só por barco ou por trilha se chega a algumas praias da Guarda, preservadas e com ares de destino secreto. Que o digam os surfistas, que as têm como um dos seus refúgios preferidos. A praia que dá nome ao local é frequentada o ano todo, com uma faixa de areia extensa, mar de ondas fortes e dois costões cobertos de vegetação. A praia De Cima é mais tranquila, apropriada para famílias com crianças. Mas se prepara antecipadamente: não há muita estrutura para turistas.

 

I) Garopaba (2 dias)

Praia da Ferrugem, Garopaba, Santa Catarina
Praia da Ferrugem, Garopaba, Santa Catarina. Ita Kirsch e Simone Blauth/Wikimedia Commons

As mesmas águas eleitas pelas baleias-francas para dar à luz e alimentar seus filhotes atraem também a galera. À noite, praticantes de surfe, sandboard e as beldades que os seguem lotam bares e restaurantes.

As praias mais bonitas ficam um pouco afastadas do centro,  como o caso da Praia da Silveira e a da Ferrugem.

 

J) Praia do Rosa (2 dias)

Praia do Rosa, Imbituba, (SC)
A Praia do Rosa, em Imbituba (SC), tem de tudo: de restaurantes estrelados a pousada de charme, de jovens surfistas a casais. Governo do Estado de Santa Catarina/Divulgação

Sobra charme a essa baía que é uma das mais belas do mundo, com sua natureza bem-cuidada, pousadas aconchegantes e restaurantes estrelados. Do centrinho saem as trilhas que desembocam na areia. As baleias-francas também adoram o Rosa – e, como têm bom gosto, sempre voltam.

 

K) Imbituba (1 dia)

A Barra de Ibiraquera, mais badalada de Imbituba, tem bonitas casas de veraneio e algumas pousadas
A Barra de Ibiraquera, mais badalada de Imbituba, tem bonitas casas de veraneio e algumas pousadas Ricardo Freire/Reprodução

A cidade conta com belas praias, entre elas a Barra do Ibiraquera e do Luz, com condições favoráveis para o surfe, kite e windsurfe. Por ali, entre julho e novembro, também é possível observar as baleias francas e seus filhotes.

Outra popular atração, a  Lagoa do Ibiraquera separa-se da praia por uma faixa de areia e é um local de águas calmas, ideal para crianças, e viveiro natural de siris e camarões.

Dunas e praias preservadas formam o cenário perfeito para as manobras desses esportes, que podem ser praticados tanto no mar como na Lagoa.

 

PROGRAME-SE

Quando ir: 

Em julho, Joinville sedia um dos maiores festivais de dança do planeta. De julho a novembro, as baleias-francas passeiam por Garopaba e Rosa. Na baixa temporada, o Beto Carrero World funciona apenas de quinta a domingo.

Restaurantes imperdíveis: 

Atrações imperdíveis:

Raio X das estradas:  

Principal rodovia litorânea, a movimentada BR-101 está quase toda duplicada em Santa Catarina. Os trechos em duplicação,entre Florianópolis e Guarda do Embaú, costumam provocar congestionamentos.

Distâncias (em km):

Balneário Camboriú
85 Florianópolis
109 186 Joinville
36 114 76 Penha
145 90 258 178 Praia do Rosa
Salve este mapa do Google no seu celular e leve este roteiro com você:

[googlemaps https://www.google.com/maps/d/u/1/embed?mid=1ltw_veTovAvSV6UvjLWVdNvVIyk&w=640&h=480%5D

Continua após a publicidade
Publicidade