Você já ouviu falar em Noosa, na Austrália?

A encantadora região de Noosa, na Austrália, pode fazer parte de seu roteiro em uma visita ao país; veja dicas de viagem para cá

A Austrália é um dos países mais encantadores que existem no mundo. Ainda preciso comer muito arroz e feijão para passar por pelo menos metade de todos esses países, mas já tenho certeza que vou continuar achando a Austrália um dos mais lindos.

Queensland é o local ideal para quem quer conhecer a parte das belas praias australianas. O Estado cobre cerca de 22% do território do país e tem como suas cidades mais famosas e visitadas Brisbane (capital do Estado), Gold Coast e Cairns. Mas um dos meus encantos na visita à Queensland ficou na região de Noosa.

Veja também

Estava indo de Brisbane para a cidade de Hervey Bay de carro e resolvi parar nessa região na última hora e aconselho a quem for se aventurar pela Austrália a programar essa parada. A cidade fica a 160 km de Brisbane e as estradas que levam até lá são muito bem conservadas.

Mistura de um local com rede de restaurantes, comércio e hotéis bem desenvolvidos, com  a beleza das praias preservadas e parques ecológicos, Noosa é um paraíso para quem curte tranquilidade, relaxamento e esportes aquáticos.

Surf e stand up paddle são algumas das modalidades que podem ser praticadas por ali. O principal povoado é o de Noosa Heads, que tem apenas 10 mil habitantes, mas recebe em torno de 250 mil pessoas todos os anos.

Apesar de ter lojas de grife e visitantes que estão dispostos a gastar bem, quem quiser pagar pouco também pode se dar ao direito de conhecer o local.

Eu aconselho o hostel YHA (Youth Hostel Accomodation), onde você pode reservar quartos de casal ou compartilhados, para preservar suas economias. Um quarto compartilhado pode sair por apenas 29 dólares australianos a diária.

Fica pertinho da praia e tem um restaurante dentro do hostel mesmo, que à noite vira uma baladinha. Um shot de boas vindas é oferecido a todos em sua primeira noite no local.

A principal praia de Noosa Heads é Main Beach (que significa “praia principal”, em português). Para aproveitar o clima tropical é preciso ir equipado com toalha, água e protetor solar, pois lá, assim como em todas as praias australianas, não é permitido o aluguel de cadeiras como temos aqui no Brasil, nem o comércio ambulante. Tudo isso para preservar a natureza. Mas em frente à praia estão diversos restaurantes e sorveterias que valem uma parada.

Veja também

A partir dessa praia mesmo é possível fazer diversas trilhas dentro do Noosa National Park, com caminhos mais tranquilos para quem não está acostumado a andar muito e outros mais extensos e íngremes para quem está habituado com a caminhada. O importante é que em qualquer um desses caminhos você tem vistas de tirar o fôlego.

Fui para lá em novembro, quando já estão entrando na temporada de verão, mas não peguei nada muito cheio. O local agrada jovens, crianças e idosos que estão em busca de diversão à beira mar.

Ao redor de Noosa Heads também existem alguns vilarejos com galerias de arte, restaurantes e pubs. Uma das minhas paradas foi em Sunshine Beach, que fica a poucos minutos de carro.

Uma dica de restaurante ali é o Mooshka. Você pode pedir tapas ou os famosos fish and chips, por exemplo. Popular entre os moradores locais, tem uma decoração vintage e bem colorida. Isso sem contar que é do lado da deliciosa praia de Sunshine Beach.

mooshkaRestaurante Mooshka, em Sunshine Beach (Crédito: Divulgação)

Dicas para se virar em Noosa, Austrália

Como chegar e como circular – você pode alugar carro, o que recomendo, para chegar lá. Mas pode ir de trem também. É só sair de Brisbane para Nambour ou Cooroy e lá pegar o “Sunbus” para Noosa. Só é preciso ficar atento pois os trens saem poucas vezes ao dia. Mais informações aqui.

Hospedagem – Se você não tiver empecilhos, divida o quarto com outras pessoas em hostels como o YHA. Você vai conhecer gente de muitos países, em um ambiente seguro e divertido.

texaus1Sunshine Beach (Crédito: Texaus 1/ Flickr/Creative commons)

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.