Por um punhado de pounds

Como economizar em Londres? Ela é uma cidade cara indeed. Mas a vantagem é que, no coração da terra da rainha, dá para curtir de museus a lojinhas descoladas sem falir

Londres

Uma vez em solo britânico, a primeira coisa a fazer é providenciar o Oyster Card (www.oystercard.com). Trata-se de uma espécie de bilhete único, válido para ônibus, metrô ou trem, que garante tarifas mais baixas. Comece explorando a região de Piccadilly Circus, a praça no coração de Londres a que a cidade toda conflui. De lá, em cinco minutos de caminhada, chega-se a Leicester Square, calçadão com as bilheterias dos teatros. Vá na parte da manhã para tentar descolar para a noite alguma promoção de ingresso de última hora. Mas a grande joia da coroa londrina para o turista econômico é que as entradas para os museus são de graça. O British Museum (Great Russell Street, 7323-8299, www.britishmuseum.org), por exemplo, tem no acervo desde a Pedra de Roseta até múmias e esculturas gregas. Já na Tate Modern (Bankside, 7887-8888, www.tate.org.uk/modern), você se dá ao luxo de ver praticamente na mesma parede Picasso, Monet, Van Gogh, Matisse, Dalí e Warhol. Para matar a fome, siga para as lanchonetes de rede. Na natureba Pret a Manger (www.pret.com), que tem lojas espalhadas por toda a cidade, como a da Gresham Street, 30. Com £ 7, dá para fazer uma boa refeição composta por salada com queijo de cabra, sanduíche de presunto de Parma e smoothie de baunilha. A concorrente é a rede EAT (www.eat.co.uk). Para quem prefere as delícias de um mercadão local, o lugar é o Borough Market (8 Southwark Street, 7407-1002, www.boroughmarket.org.uk), o Ceasa/Les Halles deles, que tem comidinhas do mundo todo. Se a ideia é voltar com as malas cheias, vasculhe no mercado de Spitalfields (105A Commercial Street, www.spitalfields.org.uk), que vende roupas modernas baratinhas e de brechó, como os sapatos fofos da Absolut Vintage (www.absolutevintage.co.uk), que custam desde £ 18. Falta ainda bater pernas, num sábado à tarde, pela Brick Lane em East London. É a área da moda, junto a Shoreditch e Hoxton, cheia de restaurantes e baladas.

*O DDI da Inglaterra é 44 e o DDD de Londres é 20

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s