Os passeios imperdíveis de Lyon, na França

Veja os melhores passeios, restaurantes, cafés e festivais de uma das cidades mais encantadoras da França

Por Da Redação Atualizado em 1 jul 2019, 19h36 - Publicado em 10 fev 2016, 19h49

Resolvi incluir Lyon no meu roteiro pela França e devo ficar lá três dias. O que fazer?

Laura Azevedo, Novo Hamburgo, RS

Mirelle Siqueira, do blog 13 Anos Depois, mora em Lyon e dá as dicas. “Lyon merece ser descoberta a pé, mas abro uma exceção para o funicular que leva até a igreja mais bonita que visitei na Europa, a Notre Dame de Fourvière. Ao lado, conheça o Teatro Romano, de 15 a.C., onde acontecem festivais no verão.

Na Vieux Lyon, a parte medieval e turística, estão os traboules, espécie de passagens secretas que atravessam imóveis, levando de uma rua a outra muito utilizadas por moradores durante a Segunda Guerra Mundial para fugirem da Gestapo. O aplicativo Traboules mostra cerca de 500 delas em um mapa, com fotos e explicações.

Outra dica é alugar uma Vélov, as bicicletas públicas, e passear pelas margens do Rhône até o Parc de La Tête d’Or, dono de um belo lago e um zoológico gratuito. Como Lyon foi berço das primeiras cenas da história do cinema, vale passar na Rue du Premier Film e visitar o Musée Lumière.

A cidade também conta com excelentes restaurantes estrelados. O mais famoso deles é o L’Auberge du Pont de Collonges, do chef Paul Bocuse, três-estrelas no Guia Michelin, que serve um menu de € 165 que vale cada centavo. Mais em conta, o L’Ourson qui boit (Rue Royale, 23) faz uma fusão das cozinhas francesa e japonesa. No almoço, entrada, prato e sobremesa saem por € 19 – é disputado: reserve. Pratos típicos são com o Daniel et Denise, meu favorito.

Nas pausas entre as longas caminhadas que Lyon inspira, recomendo o chocolate quente do Grand Café des Négociants. A maior festa de Lyon acontece em dezembro, a Fête des Lumières, ocasião em que os prédios da cidade ganham instalações fantásticas de projeções, laser e luzes. Sugiro evitar o sábado, normalmente o dia mais lotado.”

Continua após a publicidade
Publicidade