No meio do caminho tinha umas praias – Onde é melhor

Flecheiras, Lagoinha e Icaraí de Amontada: hotéis, restaurantes e passeios

FLECHEIRAS

Ficar

O Orixás Art Hotel (Rua da Praia, 871, 85/3351-3114, www.orixasarthotel.com.br; diárias desde R$ 680; Cc: A, D, M, V; Cd: todos) tem os melhores quartos de Flecheiras: além de enormes, as suítes possuem pequenas piscinas privativas. O lobby e o restaurante são decorados com esculturas africanas. Com bom custo/benefício, a pousada Solar das Flecheiras (Rua da Praia, 12,5 km, 85/3351-3000; diárias desde R$ 150; Cc: D, M, V; Cd: todos), em frente à praia, possui quartos sem luxo – mas com ar-condicionado e frigobar -, piscina, bar na praia e bom restaurante. A Catavento (Rua da Praia, 85/3351-3068; diárias desde R$ 140; Cc: D, M, V; Cd: todos), que tem todos os quartos avarandados, fica próximo. Mais simples, a pousada pé na areia Albatroz (Rua da Praia, 85/9999-0341; diárias desde R$ 150) também tem quartos equipados. O Rede Beach Resort e Spa (Rua Principal, 3351-3086, www.rede-resort.com.br; diárias desde R$ 180; Cc: D, M, V; Cd: todos), na vizinha Guajiru, também é um charme. Tem cama com dossel, móveis de madeira nos quartos e funcionários prestativos.

Comer

O mais pitoresco do Nonô Restaurante e Pizzaria (Rua Bela Vista, 389, 85/3351-3046; 18h/0h; Cc: V; Cd: V) são as pizzas preparadas com algas marinhas, que podem aparecer inclusive em receitas doces. Há carnes e peixes para quem se recusar a ir tão longe para comer… pizza. No Il Pevero – Laboratório Gastronômico (Rua do Pecado, 63, 85/3351-3070; 5ª/dom 16h/23h; Cc: D, M, V; Cd: todos), o chef vem às mesas para detalhar seu toque mediterrâneo incrementado com frutos do mar locais. Guarde espaço para a sobremesa: o mil-folhas com amora e mirtilo com sorvete de creme é uma delícia. Para comer uma moqueca de arraia saborosa, passe na barraca Maré Alta (Rua da Praia, 990, 85/3351-3024; 7h/22h; Cc: M, V; Cd: M, V); o prato com lagosta e camarão, para três pessoas, sai a R$ 28,50. A Oca do Sabor (Rua Raimundo Totonho, 102, 85/3351-3058; 3ª/6ª 19h/0h, sáb/dom 12h/15h e 19h/0h; Cc: V; Cd: V) tem massas, peixes e carnes.

Passear

O mar que atrai os kite e windsurfistas das cidades próximas nos fins de semana está ainda melhor nesta época – de julho até dezembro os ventos em Flecheiras ficam mais fortes. A Planet Windsurfing (85/3351-3000), em frente ao Solar das Flecheiras, vende dez aulas de kite, com equipamento, por R$ 900, com seguro e professores experientes. Lagoinha é uma das melhores esticadas a partir de Flecheiras. O jeito mais gostoso de chegar lá é pela beira da praia – a Associação de Bugueiros do Trairi (85/9961-0022, fale com o Carlos) faz esse (R$ 150 para quatro pessoas) e outros roteiros pela região. Se quiser encontrar o bugueiro João Batista, pergunte por ele em qualquer pousada da cidade. Todos o conhecem. Em Mundaú, faça o passeio de catamarã (85/3351-9047; R$ 20) pelo Rio Mundaú: o das 10h tem parada para banho na Praia dos Quatro Coqueiros; o das 16h termina com pôr do sol nas dunas da barra do rio.

Agitar

Flecheiras não tem vida noturna como Pipa ou Jeri, mas nos últimos anos foram inaugurados bares interessantes, como o Kalangos (Rua de São Pedro; 5ª/sáb 20h/0h), espécie de lounge à beira-mar, com um som eletrônico bacana para o começo da noite.

ICARAÍ DE AMONTADA

Ficar

A Villa Mango (Rua Lagoa Verde, 88/3636-3089, www.villamango.com.br; diárias desde R$ 110) é a pousada mais bem localizada de Icaraizinho. Está em terreno íngreme de frente para a praia. Os belos chalés, todos com acabamento de madeira, têm janela envidraçada e varanda com linda vista para o mar. Os quartos da País Tropical (Rua Lagoa Verde, 88/3636-3123, www.pais-tropical.com; diárias desde R$ 100) não devem nada aos da Villa Mango em conforto e charme. Têm piso de cimento queimado, ótima cama e ventilador de teto. Mais que isso: os proprietários, franceses, cuidam pessoalmente de tudo, dão aula de kitesurfe e oferecem internet wi-fi como cortesia. Também é francesa a proprietária da Rio Verde (Rua Joaquim Alves Parente, 15, 88/3636-3038, www.pousada-rio-verde.com; diárias desde R$ 100), que adaptou sua casa de veraneio. É a única com piscina. A Hibisco (Rua Joaquim Alves Parente, 88/3636-3076, www.pousadahibiscoicarai.com; diárias desde R$ 85) conta com quartos simples mas equipados com frigobar e ventilador.

Comer

No restaurante da pousada Hibisco (2ª e 4ª/dom 10h/22h), você janta em uma varanda rústica, com teto de palha e chão de areia. Os proprietários capricham nos peixes assados, todos acompanhados de arroz, feijão e farofa. Já jantou em cima de uma duna? Os nativos Miguel e Eve (88/3636-4005) organizam “noitadas” em um casebre de barro sobre uma duna de Icaraizinho. Os R$ 40 cobrados dão direito a caipirinhas e lagostas à vontade.

LAGOINHA

Ficar

O Vivamar Hotel (Avenida Beira-Mar, 250, 85/3363-5077, www.vivamarhotel.com.br; diárias desde R$ 200; Cc: D, M, V; Cd: todos), o mais confortável de Lagoinha, tem a praia como quintal e bela vista para o mar – o que compensa a extensa subida entre a recepção e os quartos. Sem a mesma panorâmica, o Platô (Avenida Francisco Henrique de Azevedo, quadra 25, 85/3363-5172, www.hotelplato.com.br; diárias desde R$ 130; Cc: D, M, V; Cd: todos) tem quartos bem equipados, com TV, frigobar, ar-condicionado e ducha quente. Você também encontra acomodações legais e piscina na Chalés de Lagoinha (Rua Joaquim Pereira de Azevedo, 1013, 85/3363-5043, www.chalesdelagoinha.com.br; diárias desde R$ 160; Cc: M, V; Cd: M, V), que serve café da manhã farto.

Comer

Em Lagoinha, a boa moqueca do FullXico (Rua Petrolina Barroso, 85/9954-2754; 3ª/dom 11h/0h), para duas pessoas, custa R$ 40. Vale a pena, entretanto, desembolsar um pouco mais para experimentar os pratos com lagosta do restaurante. Registre sua visita – e faça comentários sinceros no cardápio da casa, na verdade uma brochura que tem exatamente essa finalidade.

 

Leia mais:

No meio do caminho tinha umas praias

No meio do caminho tinha umas praias – Icaraí de amontada

No meio do caminho tinha umas praias – O essencial

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s