Basílica em Florença é fechada após morte de turista

O acidente vitimou um turista espanhol. As autoridades italianas não têm previsão de reabertura do templo

Por Da Redação 20 out 2017, 18h15

O acidente que vitimou um turista espanhol na quinta-feira (19) em Florença fez as autoridades italianas tomarem a decisão de fechar a basílica de Santa Croce por tempo indeterminado.

Daniel Testor Schnell, de 52 anos, foi atingido por um pedaço de pedra que se desprendeu de uma altura de 30 metros da nave da igreja, atingindo-o em cheio.

A basílica de Santa Croce começou a ser construída em 1296 e guarda os túmulos de Maquiavel, Galileu Galilei e Michelangelo.

Publicidade