Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), terá mais rotas de voos internacionais

American Airlines iniciará operações em dezembro e se junta as empresas Gol, Azul, TAP e Copa Airlines

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), irá receber duas novas rotas internacionais operadas pela empresa aérea American Airlines, a partir de dezembro deste ano, quando deve ficar pronto o novo terminal.

Segundo informações da administração do aeroporto, o voo de Miami para Viracopos será diário e a rota Nova York – Viracopos funcionará três vezes por semana. De acordo com o diretor do Aeroportos Brasil Viracopos, Aluizio Margarido, os recentes anúncios de rotas internacionais mostram “o grande potencial do aeroporto”.

Em abril, a companhia aérea Azul anunciou que no início de 2015 vai operar rotas para Orlando, Fort Lauderdale, na Flórida, e no meio do ano para Nova York. Serão usadas as novas aeronaves da frota da empresa, sendo seis Airbus A330-200. A partir de 2017, serão adicionados cinco Airbus A350-900, totalizando onze aviões.

Desde o dia 19 de julho, a Gol faz três voos por semana (quatro a partir de outubro) para Miami com escala em Santo Domingo, na República Dominicana. Esses voos se juntam com as rotas internacionais já operadas para Lisboa, feitas pela TAP, e para o Panamá, feitas pela Copa Airlines.

Com o anúncio de novas viagens internacionais, a expectativa da administração é que o Aeroporto de Viracopos proporcione mais mobilidade e praticidade para o passageiro. “Com certeza elevará o nível do serviço, conforto e segurança”, afirmou Margarido.

Leia mais:

Turkish Airlines é eleita melhor companhia aérea da Europa

Claudia Leitte e Cafu fazem serviço de bordo surpresa em voo entre Guarulhos e Brasília

Companhia aérea testa cobertores que mudam de cor de acordo com humor dos passageiros

Avianca lança cardápio inspirado nos países que estão nas oitavas na Copa

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.