6 casas certeiras no bairro de Santa Tereza, em Belo Horizonte

De endereços novidadeiros que servem "água de cortesia" a heróis da resistência da boemia, BH prova que sabe receber como poucas

1. Bitaca da Leste

“Mix de empório e boteco, a graciosa casa é um point de gostosuras feitas na cozinha e em roças por pequenos produtores – cachaças, queijos (dá-lhe, canastra!), doces e charcutaria (bacon, carne de sol, linguiças…). O barato é que quem quer comer é surpreendido com um cardápio que muda o tempo todo, ideia do chef Luiz Mairink.”

+ Minas tem cultura! Veja passeios imperdíveis em Belo Horizonte

Foto: divulgaçãoFoto: divulgação

2. Birosca S2

“Bistrô-retrô instalado numa charmosa casinha, que reúne um povo descolado atrás de pratos de inspiração ítalo-franco-mineira. Comprovam a teoria o consomé de frango caipira com capelete e a lasanha de linguiça com creme de moranga. A água filtrada é cortesia.”

+ 12 pratos que confirmam que Minas Gerais é o estado mais gostoso do Brasil

Foto: divulgaçãoFoto: divulgação

3. Estação Parada do Cardoso

“Comer em BH é um privilégio, a não ser no quesito pizza, paradigma quebrado por este bar, que serve a palito boas redondas, caso da nordestina (carne seca, catupiry e cebolinha).”

+ 9 atrações nos arredores de Belo Horizonte

Foto: divulgaçãoFoto: divulgação

4. Temático

“Expoente belorizontino, com salão despretensioso e concorridíssimo. Da cozinha do Bené saem veneráveis petiscos como a supercostela de boi com polenta, para beliscar, e pratões como lampião, maria bonita e cangaceiros, com carne de sol assada, queijo coalho, feijão-de-corda, macaxeira e farofa amarela.”

+ Roteiro: 13 atrações históricas em Minas Gerais que são imperdíveis

Foto: divulgaçãoFoto: divulgação

5. Bolão

“Bar referência para notívagos esfomeados na madrugada, desde 1961 se autointitula o ‘Rei do Espaguete’, mas negócio melhor é o rochedão, célebre PF, com arroz, feijão (dá para optar pelo tropeiro), batata, bife e ovo.”

+ Comidas típicas do Brasil: veja fotos de pratos regionais que dão água na boca

Foto: Marco Aurélio PratesFoto: Marco Aurélio Prates

6. Bar do Museu Clube da Esquina

“Sonhos não envelhecem na Rua Paraisópolis, próximo à esquina com a Rua Divinópolis que pariu a banda. Há shows de MPB quase diários. No menu, hits como Amor de Índio (galinhada com pequi).” 

As indicações são de Bruno Favoretto

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.