5 experiências ensolaradas para ter no “cotovelo do Brasil”

Aproveite o sol do Rio Grande do Norte para se divertir nas dunas, na água e com muuuito vento

Por Giovanna Fontenelle Atualizado em 21 dez 2016, 18h26 - Publicado em 6 abr 2016, 19h25

Sabe a pontinha? Sim, aquela curvinha sexy que o litoral do nosso país faz no seu ponto mais a nordeste do território. Ali fica o Rio Grande do Norte e como os brasileiros são ótimos para inventar apelidos engraçadinhos para tudo, não poderiam deixar de inventar um para o estado: o cotovelo do Brasil.

E realmente parece um, não é mesmo? Natal tem até uma praia com esse nome! Mas esse formato, na verdade, rendeu outros atributos ao estado que vão muito além de apelidos. Uma das mais predominantes características potiguares, seus ventos fortes, são produtos dessa geologia. Até a utilização das jangadas tem a ver. Isso porque, em tempos de coroa portuguesa, nenhuma embarcação que não fosse autorizada pelo rei poderia velejar pelas águas brasileiras. Mas, do Rio Grande do Norte ao Maranhão, como a maré muda por causa dessa curvatura terrestre, os funcionários do rei não chegavam de barco para fiscalizar, e a população aproveitava para navegar como e por onde queriam. Sorte nossa que, hoje, temos a oportunidade de ver esses coloridos barquinhos!

Publicidade