Estados Unidos eliminam entrevista para alguns tipos de visto

A nova regra, válida até o fim de 2022, visa eliminar o acúmulo de solicitações junto ao Serviço de Cidadania e Imigração

Por Da Redação 1 fev 2022, 15h03

O governo dos Estados Unidos autorizou funcionários consulares a abrirem mão, quando entenderem pertinente, das entrevistas presenciais para candidatos a certos tipos de vistos que já tenham uma petição aprovada pelo Serviço de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos.  

A nova autorização, válida até o final de 2022, se aplica aos trabalhadores temporários que solicitem os vistos H-1, H-3, H-4, L, O, P e Q e cumpram certas condições, incluindo que a solicitação esteja sendo feita a partir de seu país de nacionalidade ou residência.  

“Se a pessoa já teve qualquer visto aprovado antes e está solicitando algum dos vistos estabelecidos pela nova norma, ela não precisará fazer a entrevista presencialmente se assim decidir o oficial consular”, explica o sócio-fundador da AG Immigration, Felipe Alexandre. 

Entre as outras condições da normativa, o candidato a um desses vistos não pode ter tido um visto recusado anteriormente ou ter alguma inelegibilidade aparente ou potencial para a emissão dos vistos, cada um com suas regras específicas.

Por fim, a desobrigação da entrevista para certos candidatos aos vistos de trabalho e estudo H-2, F, M e J, que já existia, foi prorrogada também até o final de 2022. Mais do que isso, pessoas que renovarem qualquer visto dentro de 48 meses do prazo de validade também são agora elegíveis para a isenção da entrevista presencial.

Continua após a publicidade

Leia tudo sobre Estados Unidos

Busque hospedagem nos Estados Unidos

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade