Anvisa recomenda fim de teste de Covid-19 para entrar no Brasil

Resultado negativo pode deixar de ser exigido a partir de maio, enquanto declaração de saúde seria extinta imediatamente

Por Da Redação Atualizado em 7 abr 2022, 11h08 - Publicado em 29 mar 2022, 11h41

Atualização: O Governo Federal publicou uma portaria no dia 1º de abril dando fim imediato às exigências de teste de Covid-19 e Declaração de Saúde do Viajante para entrar no Brasil. Saiba mais aqui.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou uma nota técnica no dia 23 de março recomendando o fim da exigência do teste de Covid-19 e da Declaração de Saúde do Viajante (DSV) para entrar no Brasil. No entanto, cabe ainda aos ministérios da Saúde, da Infraestrutura, da Justiça e da Segurança Pública decidir seguir ou não as orientações.

A proposta da Anvisa é que a partir de 1º de maio de 2022 os brasileiros ou estrangeiros completamente vacinados não precisem mais fazer teste de antígeno ou RT-PCR para viajar. O teste de Covid-19 continuaria sendo exigido apenas das pessoas não vacinados, com esquema vacinal incompleto ou não elegíveis para receber a vacina. A Declaração de Saúde do Viajante (DSV), por sua vez, seria extinta imediatamente.

 

Continua após a publicidade

Publicidade