Aswan

População: 275.000 hab

Fuso horário: +5h (horário de Brasília)

Distância de outras cidades: Luxor 215 km, Ilha Philae 12 km, Abu Simbel 276 km

Caminhando ao longo da avenida que beira o rio Nilo, a Corniche El-Nil, o visitante se depara com mulheres vestidas com elegantes e coloridos véus islâmicos, enquanto núbios sorridentes oferecem passeios de felucca, o pitoresco barco de velas triangulares. O vento fresco amaina o calor intenso, trazendo também o delicioso aroma de pães recém-assados.

Aswan não tem as atrações de Luxor ou a pujança do Cairo, mas seu clima agradável e sua localização privilegiada a tornam ideal para se lançar em excursões diversas. A mais próxima é o bem preservado conjunto de templos na ilha Philae. Acredita-se que os últimos hieróglifos foram inscritos aqui e o culto a Ísis permaneceu vivo durante a ocupação romana, adentrando a era cristã. Próximo a ele se encontra a Represa de Aswan. Quando as águas do Lago Nasser começaram a subir, um esforço internacional imenso foi coordenado para salvar os templos da região, incluindo o maior tesouro local, os monumentais colossos do templo de Abu Simbel, localizado quase na fronteira com o Sudão.

Chegar lá não é muito fácil. Ônibus de excursão seguem em comboio em níveis variados de conforto, mas a jornada vale a pena. Por seu inestimável valor e apuro artístico, tanto Philae como Abu Simbel são listadas como patrimônios da humanidade pela Unesco.

Uma dos pontos altos de sua estada no Egito pode ter início aqui. Muitas pessoas se aventuram com feluccas para viagens de 2 a 4 dias Nilo abaixo, visitando templos em Edfu, Kom Ombo e Esna até chegar em Luxor. Dorme-se no próprio ‘convés’ das pequenas embarcações e as refeições são preparadas pela tripulação formada pelo capitão e seu assistente. Antes de embarcar nessa viagem, peça dicas para o pessoal de seu hotel, que lhe indicará profissionais confiáveis. Definitivamente é melhor e mais autêntico que as barulhentas dahabiyas, embarcações enormes e consideravelmente mais confortáveis, que fazem o mesmo trajeto.

COMO CHEGAR

Assuã é servida por um aeroporto internacional que a interliga com Cairo, Luxor e Abu Simbel. Outras opções para se chegar à cidade é via trem (desde Luxor e Cairo) e ônibus (para Hurghada).

Informações ao viajante

Línguas: Árabe. Inglês e Francês são amplamente difundidos.

Saúde: Recomenda-se possuir certificação para vacina para febre amarela


Melhor época para visitar: De setembro a Maio as temperaturas são mais amenas. O período do Ramadã pode ser um pouco complicado para o viajante independente

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.