Vou Estudar Fora Por Blog Raquel Marçal ama viajar e aprender línguas e acha melhor ainda quando pode combinar os dois. Acredita que intercâmbio não tem idade e pretende continuar fazendo até os 80 anos

Oportunidade para quem sonha com graduação ou pós na França

Por Raquel Marçal Atualizado em 27 fev 2017, 14h36 - Publicado em 30 nov 2016, 20h01

Cerca de 4 mil brasileiros viajam para a França por ano para estudar. E este número está crescendo. Segundo a Campus France Brasil, agência francesa para promoção do ensino superior, em 2016 houve alta de quase 60% no número de candidatos a graduação e pós-graduação.

Se a terra da Sorbonne faz parte dos seus sonhos acadêmicos, anote: as inscrições para o ano letivo 2017-2018 estão abertas. Os interessados devem enviar currículo e outras informações por meio do site Campus France Brasil. A agência oferece orientação personalizada e gratuita aos interessados em estudar na França e também centraliza o procedimento de candidatura para grande parte das universidades de lá.

A data limite varia de acordo com o nível e a área de estudo, mas o prazo máximo é março de 2017 (o ano letivo começa em setembro).

O custo relativamente baixo dos estudos na França é um dos principais fatores de atração de alunos estrangeiros para o país (a anuidade das universidades varia entre 200 e 400 euros). Todas as universidades são públicas, já que o governo francês toma a seu cargo 90% do custo do ensino, e têm o mesmo nível de qualidade.

Não há distinção entre estudantes franceses e estrangeiros. Isso significa que os brasileiros pagam a mesma taxa de matrícula que os franceses e ainda têm acesso a restaurantes universitários, auxílio-moradia e planos especiais para transporte. Além disso, podem se candidatar a mais de 200 programas de bolsa.

Para aqueles que se inscreverem, bonne chance!

Continua após a publicidade
Publicidade