Chef deixa estrela Michelin no Alentejo para cozinhar de frente para o mar

De volta a Cascais depois de 20 anos, o premiado Miguel Laffain presta homenagem aos peixes e mariscos em sua nova casa

Mesa do Atlântico debruçada… sobre o Atlântico: homenagem aos peixes e mariscos

Mesa do Atlântico debruçada… sobre o Atlântico: homenagem aos peixes e mariscos (Bruno Barata/Reprodução)

Pode-se dizer tudo de Miguel Laffan, menos que é um chef água com açúcar. Em suas quatro décadas de vida, já experimentou grandes emoções pilotando fogões. Já passou por badalados restaurantes franceses, já ganhou estrela, já perdeu estrela, já ganhou de novo… Seu último feito? Abandonou uma estrela. Simples assim. No começo deste ano, ele deixou a cozinha do festejado L’AND Vineyards, no Alentejo, e resolveu voltar pra casa. No caso, a linha de Cascais. Sorte nossa, que temos o Estoril sempre a um pulo de Lisboa.

O edifício do InterContinental Cascais-Estoril, com a casinha do Atlântico ao lado: bela localização

O edifício do InterContinental Cascais-Estoril, com a casinha do Atlântico ao lado: bela localização (Bruno Barata/Reprodução)

O chef Miguel Laffan: de volta à linha de Cascais depois de 20 anos fora

O chef Miguel Laffan: de volta à linha de Cascais depois de 20 anos fora (Bruno Barata/Reprodução)

À frente do Atlântico, o restaurante instalado em uma singela e simpática casinha branca debruçada sobre o mar nas dependências do InterContinental Cascais-Estoril (que passou a se chamar Miguel Laffan at Atlântico Bar & Restaurante), o chef agora está a uma curta caminhada de casa pela beira-mar e presta toda a sua homenagem ao que a Costa dá – aqui suas especialidades são os peixes e mariscos, trabalhados em receitas criativas que brincam com texturas e releituras.

O Coquetel de Camarão Versão 2019: releitura do clássico dos anos 80

O Coquetel de Camarão Versão 2019: releitura do clássico dos anos 80 (Bruno Barata/Reprodução)

Tartar de atum com quenelle de abacate: ótimo como entrada

Tartar de atum com quenelle de abacate: ótimo como entrada (Bruno Barata/Reprodução)

O coquetel de camarão, por exemplo, chega desconstruído, escoltado por camarões praticamente crus (e divinos), mas aquele sabor tão típico dos anos 80 está lá (mais sutil, ainda bem). O tartar de atum traz uma leve quenelle de abacate, que confere uma delicadeza única. O robalo aterriza acompanhado de mexilhão, alho-poró e creme de champanhe e açafrão.

Robalo em creme de champanhe: levíssimo

Robalo em creme de champanhe: levíssimo (Bruno Barata/Reprodução)

Presa de porco com amêijoas: o Alentejo bem representado

Presa de porco com amêijoas: o Alentejo bem representado (Bruno Barata/Reprodução)

O Alentejo, sua casa pelos últimos anos, é bem representado pela presa de porco com amêijoas (a clássica combinação de carne à alentejana, que mistura os sabores do campo e do mar), acompanhadas de batatas fritas ultra crocantes. O menu tem ainda massas, risotos e saladas. Não consegue conceber uma refeição em Portugal sem bacalhau? Ok, ok, Laffan apresenta a sua versão: confitado em azeite, com grão de bico e ovos. À moda Laffan, claro.

Mousse de queijo de cabra com mel: grand finale

Mousse de queijo de cabra com mel: grand finale (Bruno Barata/Reprodução)

O grand finale vem em forma de sobremesas pouco doces e delicadas. É o caso da mousse de queijo chèvre com mel ou das diferentes texturas de framboesas, levemente ácidas. Perfeitas para serem saboreadas com vagar, de preferência com um vinho na mão e os olhos pousados no Atlântico – de verdade – logo ali (do outro lado da linha de trem, já que a perfeição tende a ser sempre muito monótona).

Texturas de framboesa: já é um clássico do chef

Texturas de framboesa: já é um clássico do chef (Bruno Barata/Reprodução)

Anote ai: o Miguel Laffan at Atlântico Bar & Restaurante tem entrada independente, ao lado da entrada principal do InterContinental Cascais-Estoril. Recomenda-se fazer reserva com antecedência. Uma refeição completa para duas pessoas custa em média € 100.

Reserve a sua estadia na costa do Estoril aqui.

Leia tudo sobre Portugal

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s