Itália terá trilha que conecta todos os parques nacionais do país

Montanhas, colinas, vulcões e praias de mar azul-turquesa são algumas das paisagens que compõem os 25 parques nacionais italianos

O Ministério do Meio Ambiente e o Clube Alpino Italiano aproveitaram o Dia Europeu dos Parques Naturais, comemorado no dia 24 de maio, para anunciar a criação de uma trilha que conectará todos os 25 parques nacionais da Itália.

De acordo com o comunicado divulgado pelas duas entidades, serão destinados 35 milhões de euros entre 2020 e 2033 para a construção do percurso, que foi batizado de Sentiero dei Parchi.

O caminho, porém, não será criado do zero. Na verdade, o projeto se trata de uma expansão de uma trilha de sete quilômetros já existente, que se chama Sentiero Italia e passa por 16 parques nacionais italianos.

Veja também

Para justificar a iniciativa, o ministro do Meio Ambiente, Sergio Costa, afirmou que é importante não só garantir a conversação dos parques nacionais, mas também a sua usabilidade.

Segundo ele, a criação da trilha mostra a importância que é dada à biodiversidade local e também a valorização do turismo sustentável, “sobretudo nesse período de recuperação pós-Covid, no qual todos desejamos estar mais ao ar livre”.

Parco Nazionale del Gran Paradiso, Valle d'Aosta, Piemonte, Itália Pouco conhecido, o Parco Nazionale del Gran Paradiso fará parte da trilha e esconde lagos azul-turquesa

Pouco conhecido, o Parco Nazionale del Gran Paradiso fará parte da trilha e esconde lagos azul-turquesa (Fulvio Spada/Flickr)

Ainda não há previsão de quando o Sentiero dei Parchi será finalizado e nem de quando nós, brasileiros, poderemos voltar a viajar para a Itália. Isso dá um certo tempo para planejar a viagem e se preparar para a caminhada intensa, que passará pelas variadas paisagens naturais italianas.

O percurso começará nas montanhas alpinas, quase sempre cobertas de neve, e seguirá para as famosas Cinque Terre antes de descer pelo centro do país, onde ficam as verdejantes montanhas apeninas.

Depois, o caminho se divide em direção à Puglia e à Calábria, passando pelo vulcão Vesúvio, e continua nas ilhas da Sicília e da Sardenha, famosas pelo mar azul-turquesa.

O ministro Sergio Costa prometeu também a criação de um passaporte simbólico, que os viajantes poderão carimbar em cada um dos parques nacionais.

Veja, abaixo, o mapa que foi divulgado da futura trilha que conectará todos os parques nacionais italianos:

Sentiero dei Parchi, Itália A construção da trilha, que se chamará Sentiero dei Parchi, deve acontecer entre 2020 e 2033

A construção da trilha, que se chamará Sentiero dei Parchi, deve acontecer entre 2020 e 2033 (Ministero dell'Ambiente/Divulgação)

Leia tudo sobre Itália

Leia tudo sobre o impacto do coronavírus no turismo

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s