Trazendo comidinhas da gringa no avião: saiba o que vale a pena

Desde o dia 10 de maio, o Ministério da Agricultura liberou a entrada no Brasil de uma série de produtos de origem animal antes proibidos.

A pergunta agora não é o que você pode trazer, mas o que deve trazer. Assim, a repórter Ana Luiza Tieghi fez uma grande apuração com críticos gastronômicos e chefs para uma matéria publicada na edição de agosto da revista Viagem e Turismo.

Entre os achados apontados por nossas fontes, se mostra muito vantajosa a compra do pistache da siciliana Bronte, perto do vulcão Etna, Sicília esta que é sempre uma Itália com mega custo/benefício.

Aproveitei essas dicas em minha coluna dominical no programa Revista CBN, todo domingo das 12h às 15h. A despeito de meu sotaque carregado que pode soar meio mala, ouça aqui :)

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.