Achados Por Blog Adriana Setti escolheu uma ilha no Mediterrâneo como porto seguro, simplificou sua vida para ficar mais “portátil” e está sempre pronta para passar vários meses viajando. Aqui, ela relata suas descobertas e roubadas

A praia (virgem) de Xcacel-Xcacelito: segredo na Riviera Maya

Por Adriana Setti Atualizado em 27 Feb 2017, 15h49 - Publicado em 27 Jan 2012, 16h04

O visual selvagem da praia aonde pouca gente chega (ainda) / Foto: Adriana Setti

A Riviera Maya (o trecho de litoral no Caribe mexicano ao sul de Cancún) não é o tipo de lugar em que você espera encontrar praias virgens. Ali não restam aqueles lugares aos quais apenas os mais valentes chegam após vencerem trilhas desafiadoras. Mas em meio a essa espécie de Disneylândia caribenha, Xcacel-Xcacelito é praticamente o éden perdido.

Não teria chegado até ali sem querer. Ou melhor, sem querer muito. A entradinha para a praia, na autopista que liga Playa del Carmen a Tulum, é o tipo de lugar por onde todos passam a mais de 100 quilômetros por hora. Sendo assim, fica difícil reparar na tímida placa que sinaliza o projeto ecológico que trata de proteger as tartarugas que desovam por lá (uma espécie de projeto Tamar mexicano). 

Xcacel-Xcacelito: o éden perdido na Riviera Maya / Foto: Adriana Setti

Quem quiser chegar a Xcacel-Xcacelito deve, portanto, desacelerar quando estiver mais ou menos três quilômetros ao norte da entrada de Xel-Há (um costão que abriga um parque aquático).  

Após não mais de um quilômetro por uma estradinha de terra, dá-se o milagre: uma praia totalmente selvagem, com areia branca e fofinha e o mar azul como só o Caribe sabe ser. De quebra, há um cenote cristalino de água doce no manguezal que escora a praia.
Leve água, sombra e um lanchinho e tenha um dia feliz e longe da muvuca.

Siga @drisetti no Twitter.

Continua após a publicidade
Publicidade