Croácia

Site: http://croatia.hr/en-GB/Homepage

Capital: Zagreb

População: 4.453.500 hab

Fuso horário: 5h (horário de Brasília)

Código de área: 385

Localização: Europa

A Croácia recebe mais de 800 cruzeiros turísticos em seus portos nas principais cidades costeiras e nas 1.185 ilhas do país, e isso apenas no verão. Ao longo dos 1.778 quilômetros de extensão de sua costa, iates de europeus endinheirados disputam palmo a palmo um espaço no mar de água verde/azul-turquesa cristalina, enquanto locais bem vestidos passam o tempo entre cafés estilosos e butiques em alguma das diversas “old towns”.

A descrição acima caberia bem a qualquer trecho do litoral grego ou à Costa Amalfitana, na Itália, mas se aplica igualmente à Croácia, que começa a atrair os brasileiros aos poucos, mas que há pelo menos uma década ganhou o título de a “melhor praia da Europa”. A primeira explicação está na localização: com o Mar Adriático em seu quintal, foi preciso apenas remodelar cidades já atrativas como Dubrovinik e Split para atrair os euros dos europeus com gostos mais refinados. Outro motivo é que, apesar de mais cara que outros países do centro-leste europeu, a Croácia ainda cobra preços convidativos para quem está acostumado a curtir férias em Ibiza ou Santorini. O mar é o grande cartão-postal desse país, mas dê uma chance ao conjunto de lagos que forma o parque nacional de Plitvice Lakes ou à culturalmente rica capital Zagreb para sentir um pouco do que tem a oferecer essa ex-nação da Iugoslávia que se tornou uma das maiores potências turísticas do continente.

A COSTA DÁLMATA

Um passeio que vem ganhando muitos fãs na Croácia é o cruzeiro pela costa do Adriático. Desde o arquipélago de Zadar até Dubrovnik, ao sul, passando pelo paraíso do windsurfe em Brac e as montanhas e casas históricas de Hvar, Vis, Mljet e Jelsa, o turista fica mesmerizado com o belo espetáculo de ilhas rochosas, belo mar, história e natureza. Há ferries que ligam cada uma das ilhas e há boas pousadas em boa parte delas.

COMO CHEGAR

Não há voos diretos entre o Brasil e a Croácia. No entanto, cidades como Dubrovnik, Zagreb e Split são acessíveis através de conexões feitas em boa parte das grandes capitais europeias que tem voos para o Brasil. Este é o caso de serviços oferecidos por Lufthansa e British, as duas mais convenientes e rápidas, e também Tap, KLM e Turkish.

Por terra, cidades como Zagreb estão ligadas a cidades turísticas importantes do centro da Europa como Budapeste (6 horas de viagem), Viena (6h40) e Munique (8h30), com reservas feitas através da DB Bahn (www.bahn.com).

Chegar de carro também é uma excelente opção, principalmente para aqueles que planejam conhecer lugares mais isolados, incluindo a Eslovênia. O aluguel de carro dentro e fora da Croácia é muito simples e as estradas são, no geral, bem mantidas e sinalizadas. Na hora de cruzar a fronteira haverá uma checagem de passaporte e aduana e também será necessário pagar a taxa de pedágio, que pode ser feita em euros, kuna ou mesmo em cartão de crédito.

COMO CIRCULAR

A Croatian Airlines (www.croatiaairlines.hr) é a companhia com mais voos e serviços entre os principais destino dentro da Croácia. Por terra, uma das melhores e mais baratas alternativas são viagens de trem com a companhia nacional (www.hznet.hr). Os trens são razoavelmente modernos, pontuais e seguros, mas as frequências são um pouco irregulares.

Com uma malha com boa cobertura, várias saídas e preços igualmente razoáveis, os ônibus são talvez a melhor forma de circular pelo país. Algumas das companhias que operam na região são a Croatia Bus (www.croatiabus.hr), Autotrans Rijeka (www.autotrans.hr) e Autobusni promet Varazdin (www.ap.hr).

GASTRONOMIA CROATA

Com sua longa história e localização geográfica, a cultura croata é um tanto heterogênea, repleta de influência de povos que por aqui passaram. O mesmo vale para sua culinária, rica e variada. Na costa dálmata a oferta de pescados e pratos típicos gregos, vênetos e italianos estão bastante presentes, enquanto que em Zagreb e nas regiões montanhosas há claras inspirações húngaras, turcas e austríacas. Portanto, não se surpreenda em achar, com bastante frequência, especialidades regionais como goulash, apfelstrudel, baklava, nhoque e pimentões recheados nos restaurantes locais.

Informações ao viajante

Línguas: croata
Moeda: Kuna
Visto: Não é necessário tirar nenhum visto

Embaixada oficial no Brasil:
SHIS, QI 09, conj. 11, casa 03 - Brasília, DF
(61) 3248-0610

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s